Quinta-feira , Outubro 18 2018
ÚLTIMAS
Home / VELOCIDADE / 2º lugar de Ramos e Mac em Barcelona não foi suficiente para entrar no Top 3 no Campeonato
2º lugar de Ramos e Mac em Barcelona não foi suficiente para entrar no Top 3 no Campeonato

2º lugar de Ramos e Mac em Barcelona não foi suficiente para entrar no Top 3 no Campeonato

 

 

Mesmo com os pontos do segundo lugar conquistado em Barcelona, o somatório não foi suficiente para entrar no Pódio do Campeonato neste final de época. Miguel Ramos e Mikkel Mac estavam no 5º lugar à entrada para esta ronda dupla e no 5º lugar ficaram, agora que as contas estão feitas.

29 de outubro de 2017.

A corrida de sábado foi muito bem conseguida para a dupla do Ferrari #488. Boa qualificação de Ramos com o tempo de 1,44s,8 a meros 0,5s da pole ficando com o 9º lugar na grelha, tempo aliás semelhante ao de Mikkel Mac na qualificação de domingo, na qual alcançou o 5º lugar a 0,9s da pole. Após a qualificação de sábado, Ramos confidenciava, “este Campeonato é extremamente competitivo, mas a falta de potência no nosso Ferrari desde Silverstone, impediu-nos de conseguir estar na linha da frente”. Após a partida Ramos fez um excelente turno, mantendo todas as hipóteses em aberto no que dizia respeito ao objetivo traçado que era o de conseguir pelo menos o terceiro lugar final no Campeonato. Após a troca de pilotos, Mac fez mais uma das suas excelentes performances e conseguiu arrancar um excelente 2º lugar no final.

Esta tarde, coube a Mikkel Mac fazer a partida e primeira parte da corrida. Neste turno inicial e não conseguindo passar o Lambo de Venturini, Mac rodava em 7º quando antecipou a troca de pilotos mal abriu a janela temporal e assim Ramos entraria fora do tráfego e teria oportunidade de continuar a tentar o Pódio do Campeonato. Contudo, com o handicap 15 segundos na troca de pilotos, Ramos entrou em pista na cauda do pelotão e não conseguiu passar carros evidentemente mais lentos, como o próprio reconheceu, “foi impossível passar adversários mais lentos porque não tínhamos potência suficiente. A potência que nos tiraram a partir de Silverstone, comprometeu qualquer hipótese de lutar pela vitória no Campeonato”. Entretanto a cerca de 3 voltas do final, Miguel Ramos acabaria por envolver-se num toque com o Mercedes de Marcelo Hahn, que o levaria à desistência.“Com o segundo lugar na corrida de ontem, subimos ao 3º do Campeonato, mas hoje caímos novamente para 5º. As corridas são mesmo assim e desta vez não tivemos sorte. Vi uma aberta e tentei meter o carro, mas o meu adversário fechou a porta e batemos. Fiquei sem direção e com a suspensão danificada, pelo que tivemos que abandonar na escapatória. De qualquer modo acho que fizemos um bom Campeonato com seis subidas ao Pódio e estivemos na luta quase até final, mesmo com todas as adversidades que foram surgindo. Aproveito para felicitar o Giovanni Venturini pelo título, pois sem duvida que com a regularidade que conseguiu manter, demonstrou estar muito forte esta época”, comentou Miguel Ramos logo após a o término da corrida desta tarde em Barcelona e consequente final do Campeonato.

Classificação final do International GT Open 2017

1 – Giovanni Venturini (Lamborghini) – 114 pts

2 – Fran Rueda / Victor Bouveng (BMW) – 106 pts

3 – Alberto Costa / Philipp Frommenwiller (Lexus) – 98 pts

4 – Thomas Biaggi (Lamborghini) – 92 pts

5 – Miguel Ramos / Mikkel Mac (Ferrari) – 90 pts

 

Scroll To Top