Quarta-feira , Dezembro 13 2017
ÚLTIMAS
Home / MOTOS / A resposta de Alberto em Freixo Espada à Cinta
A resposta de Alberto em Freixo Espada à Cinta

A resposta de Alberto em Freixo Espada à Cinta

Após o enlameado arranque do campeonato nacional de motocross na histórica pista do Alqueidão, o campeonato subiu a Trás-os-Montes para realizar a segunda ronda do ano na pista de Freixo de Espada à Cinta.

Acolhendo o campeonato pela 10ª vez foi com temperaturas verdadeiramente primaveris que todos os pilotos foram recebidos na Pista Multiusos da localidade, cabendo a Hugo Basaúla a defesa da liderança na categoria maior do campeonato sob a esperada oposição da concorrência que tudo tentou na prova de arranque do novo ano.

Foram mais de meia centena os pilotos que marcaram presença na prova, divididos entre as classes Iniciados, MX2 e MX1, sendo que em MX2 estiveram igualmente incluídos os pilotos das dois-tempos e os Juniores.

Vencedor da primeira ronda perante o seu público, Luis Outeiro voltou a dominar por completo entre os Iniciados ao ser não apenas o mais rápido nos treinos cronometrados mas igualmente o melhor entre os nove pilotos que com ele dividiram a pista em ambas as mangas. Liderando de início até ao final o piloto do Alqueidão manteve a invencibilidade no campeonato ao cruzar a linha de meta na frente de Fábio Costa e Frederico Rocha, ambos a ocuparem o segundo e terceiro lugares respectivamente em qualquer uma das mangas.

Em MX2, onde competem igualmente os Júniores e os dois-tempos, Diogo Graça venceu ambas as mangas sempre na frente de Pedro Carvalho e Sérgio Garcia. Bruno Charrua foi o melhor entre os Júniores e Renato Silva repetiu a dose entre os dois-tempos vencendo de novo tal como tinha feito na primeira prova do ano.

Depois de ter conseguido o melhor tempo nos treinos cronometrados Hugo Basaúla foi no entanto surpreendido pelo arranque superior de Luis Correia no arranque para a corrida reservada aos pilotos MX1. Um ataque decidido do regressado ribatejano que teve no entanto resposta imediata de Basaúla que ainda na volta de abertura assumiu o comando que segurou durante as três voltas iniciais até ser passado por Paulo Alberto, que passou a segundo igualmente na primeira volta.

Paulo Alberto subiu ao comando da corrida na quarta volta e não mais largou a primeira posição para bater Hugo Basaúla e Sandro Peixe, este a conseguir fechar o pódio depois de passar Correia na 16ª das 21 voltas realizadas pelos 4 primeiros na classificação final.

No arranque para a derradeira corrida do dia, com quatro dezenas de pilotos a enfrentarem os 1800 metros do traçado, Paulo Alberto e Sandro Peixe foram os melhores no arranque mas ambos acabaram por cair na segunda curva com Sandro Peixe a descer ao 20º posto enquanto que Alberto conseguia reagir melhor para ser terceiro no final da primeira volta. Em modo recuperação acabaria por passar Hugo Basaúla na 12ª passagem pela meta e não mais largou a liderança até ao final, deixando o rival novamente em segundo na frente de Luis Correia e Sandro Peixe, autor de uma fantástica recuperação que o deixou no quarto posto desde a nona volta para fechar na frente de Diogo Graça.

Uma derradeira corrida bem animada que deixa antever uma fantástica terceira ronda já no próximo dia 9 de Abril na arenosa pista da Marinha das Ondas, a única com este piso em Portugal e que será certamente  cenário de eleição para um fantástico duelo entre os melhores pilotos nacionais da especialidade.

RESULTADOS INICIADOS

CAMPEONATO INICIADOS

RESULTADOS MX2 JÚNIOR

CAMPEONATO MX2 JÚNIOR

RESULTADOS 2 TEMPOS

CAMPEONATO 2 TEMPOS

RESULTADOS MX2

CAMPEONATO MX2

RESULTADOS MX1

CAMPEONATO MX1

RESULTADOS ELITE

CAMPEONATO ELITE

Gil Neves

 

Scroll To Top