Sábado , Agosto 19 2017
ÚLTIMAS
Home / RALI / Aí está o nacional de ralis 2017
Aí está o nacional de ralis 2017

Aí está o nacional de ralis 2017

O Rali Serras de Fafe marca o início do Nacional de Ralis de 2017.

Não será por certo o espelho do que vai ser o Nacional de 2017, até porque são poucos, muitos poucos mesmo, aqueles que assumem que irão fazer todo o campeonato.

A promoção ficou apenas para os fãs da modalidade, que acompanham no “digital” (leia-se sites e redes sociais) aquilo que vai acontecer este ano no Nacional de Ralis, pois a grande promoção ficou novamente por fazer, com a FPAK a chutar para a ACOR (a tal associação de alguns clubes de ralis) essa responsabilidade.

Também os regulamentos já sofreram uma evolução. Ainda bem que desta vez foi antes da época começar, mas esta história dos oito ralis para pontuar (dos quais contam o sete melhores resultados) pode ainda vir a fazer correr muita tinta, assim como as inscrições no Nacional de Ralis.

No fundo, voltamos a ter um calendário desequilibrado, que dá hipóteses a qualquer piloto de pontuar em muitos mais ralis de asfalto do que de terra.

Uma nota para a redução do preço das inscrições para os duas rodas motrizes, que teve de pronto um efeito positivo, que acreditamos que teria sido ainda mais positivo, caso os regulamentos já fossem conhecidos desde há uns meses atrás.

Nesta prova existem excelentes condições para um grande rali. Muitos e bons inscritos, presenças internacionais, troços a condizer e, como tal, o espetáculo promete ser bom e de qualidade.

Em Fafe é José Pedro Fontes o “alvo” a derrotar e o piloto assume esse favoritismo, querendo por certo mostrar os dois galões (leia-se títulos nacionais), mesmo sabendo que um pódio é um excelente resultado, pois dos pilotos que apostam em fazer todo o nacional é de longe o que mais hipóteses tem de o ganhar!!!

Porém, nesta prova vamos ter mais interessados em vencer. Ricardo Moura é quem mais quer vingar o azar de 2016, e com a experiência que tem no terra vai querer mesmo vencer, até porque uma vitória em Fafe e uma possível vitória no seu Rali dos Açores poderá mudar a perspetiva para esta temporada.

João Barros já não procura a primeira vitória no Nacional, mas sim uma vitória em Fafe e todos os anos renova essa aposta, pelo que em 2017 não vai ser diferente e teremos que contar com ele.

Nesta luta pela vitória também quererá entrar Pedro Meireles. Mudou de equipa pelo que a sua estratégia não dependerá dos interesses dos seus colegas de equipa, mas unicamente daquilo que poderá vir a demonstrar em termos de andamento.

Para além destes não faltam muitos outros motivos de interesses. O espanhol Pepe Lopez poderá ser uma surpresa, como interessante será ver a reanimada luta que existirá no nos Grupo N, sem esquecer as duas rodas motrizes com vários candidatos à vitória.

 

Paulo Homem

 

Scroll To Top