Segunda-feira , Dezembro 11 2017
ÚLTIMAS
Home / TODO-O-TERRENO / Alexandre Franco espera melhor sorte no Algarve
Alexandre Franco espera melhor sorte no Algarve

Alexandre Franco espera melhor sorte no Algarve

Alexandre e Rui Franco partem para a Baja Cidade Europeia do Desporto com a esperança que o BMW Série 1 Proto da Scuderia Goldentrans/DURA se apresente num melhor ponto de fiabilidade, depois de um começo de temporada que tem servido de aprendizagem á categoria T1.

Ainda a conhecer as sensações de correr na categoria principal, a dupla da Scuderia Goldentrans/DURA ocupa a quinta posição da geral no Campeonato Nacional de Todo o Terreno e encara com optimismo a ronda algarvia, que apresenta agora um novo figurino, tendo o seu início em Loulé, para depois percorrer as serras algarvias nas regiões de Barranco do Velho, Castro Marim e Almodôvar, contemplando a passagem por alguns troços do então Rally de Portugal.

O piloto que conta com os apoios da Goldentrans, DURA Automotive Systems, ENI e PR Car diz “depois de não termos sido felizes em termos mecânicos com o nosso BMW Série 1 Proto nas primeiras duas provas, esperamos agora que as soluções encontradas nos permitam ter encontrado o caminho da fiabilidade, pois o carro tem estado competitivo. Se a fiabilidade for conseguida, acredito que conseguiremos atingir os nossos objectivos”.

 

Sobre as novidades no percurso da prova algarvia, Alexandre Franco comenta que  “nesta Baja Cidade Europeia do Desporto vamos encontrar uma prova com moldes diferentes da do ano passado e á partida parece-me mais interessante. O facto de ter dois sectores selectivos distintos poderá permitir-nos um bom mais alto, pois num sector com trezentos quilómetros seguidos tem sempre que haver alguma gestão, pois com o muito calor que se faz sentir habitualmente, a corrida fica muito violenta para pilotos e máquinas”.

 

O piloto de Alenquer comentou ainda que está “optimista para esta prova, pois com os quilómetros feitos nas provas anteriores, o nosso à vontade com o carro é cada vez maior e gostaríamos de ambicionar terminar a prova num dos lugares do pódio”.

 

A Baja Cidade Europeia do Desporto começa no sábado com uma dupla passagem pela Super Especial de 7,8s kms em Loulé, para no domingo se disputarem dois sectores selectivos diferentes, um deles com 172 kms e o mais curto com 72,4 kms, sendo este percorrido por duas vezes.

 

Scroll To Top