Domingo , Agosto 20 2017
ÚLTIMAS
Home / RALI / Breves dos ralis
Breves dos ralis

Breves dos ralis

RUI MADEIRA- “Surpreendeu bastante as suspensões”

Rui Madeira decidiu assinalar os seus 25 anos de carreira na competição automóvel ao volante de um Ford Fiesta R5. A presença do primeiro piloto português Campeão do Mundo FIA de Produção (1995) e bi-Campeão Nacional do Grupo N (1993 e 1994) irá ter o ponto alto no Vodafone Rali de Portugal, prova que venceu em termos absolutos em 1996, tendo ainda conquistado o tão almejado lugar de “Melhor Português” em cinco edições. Antes, Rui Madeira vai estar presente com o Ford Fiesta R5 no Rali Serras de Fafe e no WRC Fafe Rally Sprint.

Depois dos primeiros quilómetros realizados hoje na região de Fafe ao volante do Ford Fiesta R5 da M-Sport (assistido neste conjunto de provas pelos portugueses da P&B), Rui Madeira destacou que “o carro tem um excelente comportamento nas zonas de curvas encadeadas e também me surpreendeu bastante ao nível das suspensões; aguardo bastante motivado e com grande expectativa este meu regresso esporádico aos ralis”.

A prova da competitividade do novo Ford Fiesta R5 ficou, aliás, bem patente no último rali de Inglaterra onde terminaram três Ford Fiesta R5 nos dez lugares da Geral. Desta forma, será com um carro muito competitivo que Rui Madeira irá comemorar os 25 anos de carreira, piloto que durante vários anos disputou o Mundial de Ralis sempre carinhosamente apoiado por um público que reconheceu ser o pioneiro pelo desenvolvimento das carreiras nos ralis além-fronteiras ao nível desta vertente da competição automóvel. A escolha por esta equipa não é alheia o passado da carreira de Rui Madeira que foi Campeão Nacional (Produção) ao volante de um Ford Sierra 4×4, além de ter sido piloto do Team Ford/Galpenergia no Ford Focus WRC durante dois anos a par da relação de amizade e profissional que o piloto tem com o proprietário da M-Sport, Malcolm Wilson.

Paulo Fiúza será o navegador de Rui Madeira no Rali Serras de Fafe, prova a decorrer no próximo sábado.

 

JOÃO BARROS- “Ainda não tenho total domínio sobre o carro”

O campeão em título do CPR2 faz a sua estreia ofcial no principal escalão do Campeonato Nacional de Ralis, pilotando o moderno Ford Fiesta R5 no Rali Serras de Fafe (sábado).

João Barros fez uma preparação exaustiva com o carro construído pela M-Sport e está pronto para lutar por mais um título na sua carreira O Campeonato Nacional de Ralis (CNR) arranca no próximo sábado, dia 22, sendo esta uma das épocas mais aguardadas dos últimos anos e que terá início num dos palcos de eleição dos ralis em Portugal: a região de Fafe.

João Barros, acompanhado por Jorge Henriques, parte com sérias ambições para a nova temporada, depois de ter feito uma preparação minuciosa com o novo Ford Fiesta R5, tanto em pisos de asfalto como de terra. O piloto deu nas vistas em 2013 ao sagrar-se campeão do CPR2 (Campeonato 2 Litros / 2 Rodas Motrizes) naquela que era apenas a sua segunda época nos ralis.

Agora, o piloto de Paredes tem como objectivo lutar pelos primeiros lugares do CNR, onde terá a oposição de uma concorrência experiente e bem equipada. “Fiz vários testes em terra e asfalto, e sinto que evoluí bastante com o Fiesta R5 desde Outubro”, referiu João Barros.

“Ainda não tenho total domínio sobre o carro, acho que isso só surgirá mais para o meio do campeonato. Aí sim, conto estar no meu melhor mas sei que vou enfrentar adversários rápidos e experientes logo desde a primeira prova. Fafe é sempre especial, é uma prova cheia de surpresas e segundo vimos nos reconhecimentos, o mau tempo das últimas semanas degradou um pouco os troços. Mas as condições serão iguais para todos e penso que vai ganhar o piloto que cometer menos erros. Pessoalmente, conto estar pelo menos na luta pelo pódio”, concluiu.

 

ROBERTO CANHA – ” Participar em 6 ou 7 provas do CNR”

Depois de 3 anos a competir no campeonato regional centro e no open de ralis inserido no troféu modelstand, Roberto Canha decidiu evoluir para o campeonato nacional de ralis.

A viatura escolhida foi o citroen C2 R2 MAX com o qual “iremos participar entre 6 a 7 provas do campeonato nacional inseridos na classe RC4. O carro tem muitas diferenças em relação ao 206 GTI que conduzimos nos últimos dois anos pelo que temos ainda que adaptarmo-nos bem ao carro antes de procurarmos bons resultados. Mesmo assim estamos confiantes que poderemos realizar vários pódios ao longo do ano e temos como objetivo terminar nos três primeiros lugares da nossa classe no fim do ano”, afirma Roberto Canha.

A época arranca este fim de semana com o rali serras de fafe, “onde iremos encontrar um piso muito duro e com partes algo degradadas, pelo que será importante saber gerir bem a prova e acima de tudo chegar ao fim pontuando o máximo de pontos possível na nossa classe”, explica o madeirense, dizendo que “o navegador será Miguel Cruz que me tem acompanhado nos últimos dois anos, e a equipa de preparação e assistência em prova continuará a ser a Matos Competições. Queria agradecer á Q&F ltd pelo apoio que me têm dado nesta época onde iremos utilizar pneus Pirelli”.

 

MCO RACING TEAM TESTOU PARA FAFE

A MCO Racing Team esteve em testes nas serras de Baião, para ultimar os preparativos das três formações assistidas por este preparador de Santa Maria da Feira à jornada inaugural do Campeonato de Ralis Norte.

O dia de ontem serviu para efetuar as últimas afinações e acertos nas viaturas que irão alinhar ao Rali Serras de Fafe, enquanto os pilotos se dividiam entre diferentes objectivos.

Vítor Pascoal, que este ano regressa a tempo inteiro ao Campeonato de Ralis Norte (ex.Regional), aproveitou a oportunidade para ganhar conhecimento do seu novo Mitsubishi, ao mesmo tempo que readquiria ritmo competitivo para enfrentar a forte concorrência que enfrentará no Serras de Fafe.

Já para os Manos Trindade, Nelson e Herlander, o dia foi pleno de novidades e emoções, já que este foi o seu primeiro teste em pisos de terra. Os pilotos de Castelo Branco, que têm competido no Nacional de Montanha, enfrentam agora um novo desafio, o dos ralis, tendo saído deste primeiro teste com a noção que terão um ‘mundo’ novo para descobrir, mas com a certeza de que esta foi a opção correta para o prosseguimento da sua atividade desportiva.

“Os testes correram bastante bem e com distintos objectivos para os nossos pilotos. O Vítor Pascoal dedicou o dia a ‘ganhar mão’ ao seu novo carro, afinando-o ao seu estilo de condução e rodando já a bom ritmo competitivo.” começou por referir Miguel Costa. “Para os Manos Trindade, o dia foi, essencialmente, dedicado ao conhecimento da pilotagem em pisos de terra, já que nunca competiram neste tipo de provas. Estamos confiantes num bom resultado final e é nisso que todos os elementos da equipa estarão concentrados em Fafe,” concluiu este responsável da MCO Racing Team.

 

DANIEL NUNES

Daniel Nunes fez o primeiro teste com o Citroen C2 R2 Max. De tal forma ficou entusiasmado com o carro que disse mesmo que “me divirto mais neste carro que no EVO. O carro é pura adrenalina, pois tem uma excelente travagem e tracção. O tamanho do carro é precioso para poder andar no limite, como gosto, pois como é curto não me preocupo tanto da porta para trás.

 

ANDRÉ MARTINS

André Martins, participante no Troféu RallyCar no Open, está ainda à espera de ver se esta mesma competição se realiza este ano. O piloto de Vila Real quer fazer algumas provas a norte com o seu Mitsubishi mas ainda estão por definir alguns detalhes.

 

HERCULANO ANTAS

Face à tardia e incompleta publicação dos regulamentos e calendários para 2014, as tomadas de decisão começaram a ficar mais complicadas para Herculano Antas. O piloto queria disputar o Modelstand pelo segundo ano mas ainda nada sabe sobre esta competição, pelo que para já vai ao Serras de Fafe inscrito no Campeonato Norte ao volante do Peugeot 206 GTi. Toda a estrutura da equipa se manterá sem alterações, pelo que continuará a contar com o Luís Silva como navegador, e com a Monteiros Competições na parte técnica.

RICARDO TEODÓSIO

Ricardo Teodósio esteve a preparar o Rali Serras de Fafe em Espanha (Badajoz). Foi o primeiro teste ao Mitsubishi Lancer Evo IX com que vai disputar o Nacional de Ralis.

PAULO HOMEM

www.ralisonline.net

 

Scroll To Top