Sábado , Setembro 22 2018
ÚLTIMAS
Home / TODO-O-TERRENO / Campeonato de Portugal de Trial 4X4 deu espectáculo em Reguengos de Monsaraz
Campeonato de Portugal de Trial 4X4 deu espectáculo em Reguengos de Monsaraz

Campeonato de Portugal de Trial 4X4 deu espectáculo em Reguengos de Monsaraz

A maior competição do trial 4×4 português rumou pela primeira vez na sua história a sul do rio Tejo e foi uma jornada vitoriosa. Reguengos de Monsaraz recebeu o Campeonato de Portugal de Trial 4×4 com pompa e circunstância e as equipas também sentiram este bem receber tão característico do povo alentejano. A pista, num cenário maravilhoso, conquistou os mais aventureiros e fez os vencedores suarem pelo ouro. A jornada alentejana do Campeonato de Portugal de Trial 4×4 contou com  20 equipas em pista, divididas por 5 categorias.

Depois de 3 horas verdadeiramente alucinantes, com várias equipas a chegar à liderança, levou a melhor Rui Rocha (Team Rj4x4). Depois de uma época verdadeiramente atarefada em 2017, e um início de temporada não muito promissor em Valongo, a equipa de Arouca lutou muito em Reguengos e leva para casa a medalha de ouro em termos Absolutos e também na classe Proto. Depois de duas provas Cláudio Ferreira (Auto Higino) e Luís Bacelo (Oficina Bacelo) repartem a liderança da classificação geral da Absoluto com 37 pontos. Rui Querido (Euro4x4parts/Veicomer), líder à chegada a esta etapa e campeão de 2017) caiu para terceiro com 35 pontos. Liderança também repartida na classe Proto: Rui Querido e Luís Bacelo têm ambos 40 pontos.

Cláudio Ferreira (Auto Higino) fez uma gestão muito inteligente do Crawler Mercedes durante toda a prova e a estratégia compensou: duas provas e duas vitórias para o campeão em título da classe. É, naturalmente, o líder da Classe Super Proto, isolado na frente com 50 pontos.

Em Extreme a luta foi muito renhida entre António Calçada (NordHigiene Team) e Pedro Alves (MonsTTer/Cisus). Depois do enorme azar em Valongo, parece que o Alentejo deu sorte a Pedro Alves que venceu com 1 volta de vantagem sobre o adversário direto. Com a vitória em Reguengos de Monsaraz Pedro Alves é agora o líder da classificação geral com 44 pontos. António Silva (Canelas Pneus) é segundo com 42 pontos e António Calçada terceiro com 40.

Na Promoção foi uma luta constante entre André Henriques (Tufão Team) e Fábio Ferreira (irmãos Ferreira). Com constantes mudanças de posição Fábio Ferreira levou a melhor no final das 2 horas de resistência e baralhou as contas da classificação geral. A vitória permitiu a Fábio Ferreira aproximar-se de André Henriques, mas já é grande a vantagem da Tufão Team. Lideram a classe Promoção com 46 pontos.

Na classe UTV/Buggy Marco Melo também conseguiu o pleno: 2 provas, duas vitórias e a clara liderança da classificação geral.

A terceira prova é num local que já começa a ganhar tradição no trial 4×4: Mação. A caravana do CPT4x4 ruma até ao distrito de Santarém no fim de semana de 2 e 3 de junho.

Classe Absoluto

1.º Rui Rocha – Toyota – 22 voltas

2.º Luís Bacelo – Nissan Patrol – 22 voltas

3.º Cláudio Ferreira – Crawler Mercedes – 22 voltas

Classe Extreme

1.º Pedro Alves – Land Rover Defender – 15 voltas

2.º António Calçada – Suzuki Samurai R –  14 voltas

3.º António Silva – Toyota Hilux – 7 voltas

Classe Proto

1.º Rui Rocha – Toyota – 22 voltas

2.º Luís Bacelo – Nissan Patrol – 22 voltas

3.º Miguel Marques – Toyota IJ70 – 20 voltas

Classe Super Proto

1.º Cláudio Ferreira – Proto Mercedes – 22 voltas

2.º Flávio Gomes – Crawler – 21 voltas

3.º Rui Vieira – Toyota Vx – 10 voltas

Classe Promoção

1.º Fábio Ferreira – Jeep Wrangler  – 11 voltas

2.º André Henriques – Land Rover Defender td5 – 10 voltas

3.º Rui Nunes – Nissan Y61 Longo  – 9 voltas

Classe UTV/buggy

1.º Marco Melo – RZR Polaris xp – 3 voltas

 

Scroll To Top