Segunda-feira , Outubro 22 2018
ÚLTIMAS
Home / RALI / Campeonato dos Açores de Ralis 2016 sem regulamentos.
Campeonato dos Açores de Ralis 2016 sem regulamentos.

Campeonato dos Açores de Ralis 2016 sem regulamentos.

Pode até parecer um brincadeira, mas na verdade não é. A primeira prova do calendário do Campeonato dos Açores de Ralis (CAR), está agendada para os dias 1 e 2 de Abril, ou seja, dentro de 13 dias, na ilha da Terceira com a realização da 35º Edição do Rally Sical, uma das provas mais emblemáticas do automobilismo açoriano, organizada mais uma vez pelo TAC- Terceira Automóvel Clube, e a verdade é que a FPAK ainda não publicou os regulamentos para a o Campeonato.
Torna-se tudo mais caricato quando o TAC na sua pagina na web publicou recentemente uma noticia em que dá conta de algumas das novidades para a edição deste ano daquela prova, bem como da data de abertura das inscrições na prova que decorrem e transcrevemos “ as inscrições para a 35ª edição do Rali Sical decorrem de 18 a 21 do corrente mês encerrando pelas 23h00 na sede do TAC ”, pois bem, o dia 18 é hoje. Como podem as equipes e pilotos se inscreverem sem regulamentação do campeonato ?
O CAR nos últimos anos têm passado por momentos críticos e difíceis, com o numero de pilotos que disputam a totalidade das provas a ser cada vez mais reduzido, o que até se pode compreender face à crise económica abalou o nosso país e que a região não escapou. Tendo em conta que o CAR se disputa em cinco das nove ilhas do Arquipélago dos Açores, o que só pro si acarreta despesas extras para os pilotos e equipes, com transportes marítimos, viagens, alojamentos, alimentação, ao que se junta como é óbvio as despesas inerentes a este desporto, combustíveis, pneus, manutenção das viaturas, logística, entre outros, fazendo com que a factura pagar seja bem pesada para quem quer fazer um campeonato, que já conheceu melhores dias.
Neste sentido, é lamentável o que se está a passar este ano com o atraso na publicação dos regulamentos de competição do CAR, e que em nada vêm beneficiar o já “moribundo” Campeonato dos Açores de Ralis. Já sendo difícil, pela natureza geográfica da região, a vida dos pilotos em organizar as suas épocas desportivas, imagine-se sem regulamentação publicada atempadamente, é o afastamento por completo do CAR. Os pilotos cada vez mais participam em taças e troféus de ilha ou ilhas, competições com custos bem mais baixo e mais competitivas, e cuja os regulamentos já foram publicados, em vez de participarem CAR, o que é perfeitamente compreensível.
Seria pois altura para FPAK, Clubes e Pilotos dialogarem de uma forma séria e responsável sobre o CAR, que futuro para a competição? Sendo certo que muito teria que mudar para o Campeonato dos Açores de Ralis voltasse a outros tempos, onde a competição era marcada pelo ponteiro dos cronometres e em que havia lugar para novos valores aparecem, na altura faltava mais comunicação e divulgação, hoje temos os meios para esta divulgação falta o resto.
Fonte:Eduardo Reis (Rallyface)

 

Scroll To Top