Segunda-feira , Outubro 23 2017
ÚLTIMAS
Home / RALI / Competisport “nestas condições, foi importante terminar”
Competisport “nestas condições, foi importante terminar”

Competisport “nestas condições, foi importante terminar”

 

A Competisport prosseguiu este passado fim de semana a sua época desportiva com a realização do Rali Serra da Lousã a segunda ronda pontuável para o Campeonato de Ralis FPAK e a terceira para a Taça de Ralis FPAK Terra.
A prova em piso de terra contou com mais de meia centena de participantes, num fim de semana que não esteve nada agradável para a prática da modalidade com muita chuva e nevoeiro a condicionar as prestações das equipas em prova.
A Competisport alinhou na prova com duas duplas que conseguiram ambas subir ao pódio final!
Luís Mota e Alexandre Ramos não tiveram uma prova fácil, já que um problema acabou por não lhes permitir rodar em condições normais. Como nos salientou o piloto do Cartaxo, “a muita água e a lama acabaram por danificaram um relé que faz funcionar a bomba dos diferenciais e sem ela a trabalhar a travagem ficou muito complicada, com o carro a passar-se de traseira cada vez que se travava. Isto retirou-nos muita confiança, sobretudo nestas condições de piso bastante escorregadio, além de deixar o carro sem tracção!
Felizmente na ida à assistência, a nossa equipa técnica conseguiu resolver prontamente o problema e começamos a ultima secção com um tempo dentro dos três primeiros.
As condições climatéricas pioraram bastante na 5ª especial de classificação, com muita chuva a cair e a tornar tudo ainda mais enlameado e como já não havia margem para conseguir recuperar para chegar ao pódio optamos por uma toada com uma margem de segurança e levar o carro sem sobressaltos até ao fim”.
Após as seis especiais de classificação Luís Mota e Alexandre Ramos levaram o Mitsubishi Evo VII à 7ª posição final.
Por seu turno, também Fernando Teotónio e Luís Morgadinho optaram por não correr riscos e aplicaram uma toada regular de forma a não comprometer a sua prova e de igual forma a pontuação para o Campeonato. Com o piso muito escorregadio, a dupla foi ultrapassando todas as adversidades da prova, fazendo um rali sem erros, onde o seu EVO VII esteve impecável, acabando por sair da Lousã com um 4º lugar da geral e uma boa colheita de pontos para o campeonato.
A próxima prova será o Rali Vinho do Dão, a decorrer nos dias 27 e 28 de Maio.

 

Scroll To Top