Domingo , Outubro 22 2017
ÚLTIMAS
Home / VELOCIDADE / DS VIRGIN RACING SOBE AO PÓDIO EM MARRAQUEXE
DS VIRGIN RACING SOBE AO PÓDIO EM MARRAQUEXE

DS VIRGIN RACING SOBE AO PÓDIO EM MARRAQUEXE

 

 

  • Sam Bird conquistou o 2º lugar do ePrix de Marraquexe, 2ª prova do Campeonato FIA de Fórmula E 2016-2017.
  • A DS Virgin Racing marcou os seus primeiros pontos da temporada graças ao pódio do piloto britânico e também do 10º lugar obtido por José María López.

 

A DS Virgin Racing conquistou um merecido pódio em Marraquexe, com a subida de Sam Bird ao 2º degrau do pódio, depois de ter largado da primeira linha da grelha de partida e no final de uma jornada muito movimentada.

No seguimento das já espetaculares sessões de Treinos Livres, numa pista escorregadia traçada nas ruas de Marraquexe, Sam Bird viria a assinar o 4º melhor tempo da primeira secção das Qualificações. Graças a mais uma grande performance na Super Pole, o britânico de 29 anos colocou-se, então no 3º lugar, acabando, depois por se instalar na primeira linha, no seguimento de uma penalização imposta a Sébastien Buemi.

Quanto a José María López e após uma manhã complicada, o argentino teve que se contentar com o 13º lugar. Privado de um precioso tempo em pista antes da sessão de Qualificação, falhou a passagem à Super Pole. «Ao partir desta posição para a minha segunda corrida, o dia vai servir-me para ganhar experiência com o carro e neste campeonato» – confessou já na grelha de partida.

Quando os semáforos se extinguiram, todo o pelotão se lançou sem hesitações. Felix Rosenqvist manteve a primeira posição, diante de Bird. Após uma dezena de voltas, a corrida ficou mais animada. Jean-Éric Vergne passou Bird, mas os dois primeiros entraram nas boxes uma volta antes de Bird e Buemi, pelo que estes puderam beneficiar de uma segunda parte da corrida com maiores reservas de energia.

Esquecendo os acontecimentos de Hong Kong, Bird voltou a sair das boxes na 4ª posição, atrás de Rosenqvist, Vergne e Buemi. Ao mesmo tempo, López aproveitou uma troca de monolugar bem sucedida para regressar depressa à pista.

Durante a segunda metade da prova, Vergne recebeu uma penalização por ter excedido a velocidade na linha de boxes. Na 24ª volta, Bird ascendia ao 3º lugar, enquanto Buemi chegava à liderança, depois de passar Rosenqvist. Cinco voltas depois era López quem passava Robin Frijns para assumir o 10º lugar, após um conjunto de belas manobras e tentativas de ultrapassagem.

Um magnífico fim de corrida permitiu a Sam Bird bater Rosenqvist graças a uma reserva suplementar de energia. O britânico conseguiu reduzir ainda a distância para Buemi, terminando num confortável 2º lugar. Já José María López cruzou a linha de meta no 10º posto, marcando assim 1 ponto para o Campeonato FIA de Fórmula E, a juntar ao pecúlio amealhado por Bird.

«Foi excecional marcar tantos pontos. Há ainda muito trabalho a fazer mas subir ao pódio é um primeiro sucesso,» comentou Sam Bird na Conferência de Imprensa. «A próxima etapa é ficarmos mais perto do Sébastien Buemi. Para já, ele está numa categoria à parte. Hoje, somos 19 pilotos a lutar pela segunda posição, mas tenho já algumas ideias para o apanhar em Buenos Aires.»

José María arvorava um otimismo parecido: «O meu objetivo era estar à chegada para ganhar experiência e acabei a minha segunda corrida com um ponto. Isso é positivo. Vou agora abordar a minha próxima corrida, em Buenos Aires, com mais confiança.»

Alex Tai, Diretor da Equipa, acrescentou: «Este foi um resultado excelente. Sinto-me feliz por ver o Pechito nos pontos. Graças ao Sam, pudemos perceber o real potencial do nosso monolugar. Agora vamos rapidamente passar para a terceira corrida do ano.»

Xavier Mastelon, Diretor da SD Performance, concluiu: «A competitividade do nosso DSV-02 ficou em evidência com este primeiro pódio. Estivemos sempre competitivos na pista de Marraquexe. Começamos agora a ver o real potencial da nossa equipa.»

 

Scroll To Top