Sexta-feira , Agosto 17 2018
ÚLTIMAS
Home / TODO-O-TERRENO / Elisabete Jacinto reencontra equipa
Elisabete Jacinto reencontra equipa

Elisabete Jacinto reencontra equipa

Elisabete Jacinto já está a caminho de Paris onde encontrará a sua navegadora France Clèves e a pic-up VW Amarok com a qual vai participar no 26º Rallye Aïcha des Gazelles. Uma vez reunida a equipa e concluídos os preparativos a dupla dirige-se para Nice. É nesta bela e famosa vila francesa, situada na costa do Mar Mediterrâneo, que a piloto portuguesa vai cumprir, no próximo dia 18 de Março, as habituais verificações administrativas e técnicas do Rallye Aïcha des Gazelles.

Por ser um rali de navegação, onde a velocidade não é determinante para se vencer, a preparação prévia e detalhada do mesmo é essencial e pode ser decisiva para alcançar a vitória. Nesta prova cada equipa tem de ser autónoma e não pode receber qualquer tipo de ajuda exterior. Por este motivo as concorrentes devem transportar consigo todo o material necessário de modo a estarem preparadas para todo o tipo de incidente que possa surgir nas etapas: “Temos de levar tudo connosco. Refiro-me não só ao material de navegação mas também a todos os instrumentos que nos podem ajudar a libertar o carro de situações difíceis e resolver qualquer problema que possa surgir. Levamos algumas peças, ferramentas, a nossa bagagem, todo o material de campismo, comida e água. Temos de ser autónomas e, por essa razão, não nos podemos esquecer de nada. Neste sentido, é fundamental uma boa a organização do carro para que tudo esteja muito funcional ”, revela Elisabete Jacinto

Neste rali o principal objetivo está em efetuar um determinado percurso proposto pela organização realizando o menor número de quilómetros possível. Contudo, cada equipa é responsável por encontrar o seu próprio caminho recorrendo apenas à bússola e a cartas militares. A grande dificuldade reside no facto de a utilização de aparelhos eletrónicos ou meios de comunicação ser estritamente proibida. Desta forma, as capacidades das concorrentes são testadas a todo o momento no que se refere à sua habilidade de navegação e condução fora de estrada, assim como a sua resistência física e emocional. Apesar das constantes dificuldades, mostram aqui toda a sua resiliência e perícia na resolução dos problemas.

 

Scroll To Top