Sexta-feira , Dezembro 15 2017
ÚLTIMAS
Home / VELOCIDADE / Época “agridoce” para Francisco Carvalho e Nuno Batista no CNV
Época “agridoce” para Francisco Carvalho e Nuno Batista no CNV

Época “agridoce” para Francisco Carvalho e Nuno Batista no CNV

 

 

Foi de grande nível a época protagonizada por Nuno Batista e Francisco Carvalho no Campeonato Nacional de Velocidade – Turismos 2016. Ao volante de um SEAT Leon Cup Racer, os dois pilotos começaram o ano em Braga, com um contundente conjunto de 4 vitórias em outras tantas corridas e lideraram a competição desde a primeira até à entrada da última jornada.

Disputada no Circuito de Estoril, a derradeira ronda do CNV marcou negativamente a época, revelando-se um fim-de-semana negro, onde nada correu bem à rapidíssima e experiente dupla de pilotos. Quatro desistências em quatro corridas, deitaram, por terra todo o esforço feito até ali para defender com êxito o comando do campeonato, relegando Batista e Carvalho para um imerecido quarto lugar final.

Francisco Carvalho: “Antes de mais queria dizer que, na minha opinião eu e o Nuno formamos uma excelente equipa ao longo do ano. Conseguimos defender com sucesso a nossa liderança no campeonato até ao último momento, mas a passagem pelo Circuito do Estoril na última jornada foi demasiada má e penalizadora para nós. Um dos momentos menos bons da época foi também a passagem por Vila Real, onde um toque nos deixou fora de prova na segunda corrida, levando-nos a perder muitos pontos numa fase importante da época. Mesmo com um carro inferior aos nossos adversários, já que não tínhamos um “full” TCR nas mãos, podíamos ter conseguido pelo menos a dobradinha para a Veloso Motorsport em termos de campeonato, mereciam eles e merecíamos nós. As provas de automóveis têm destas coisas e por isso não há nada a fazer, senão reflectir e fazer melhor na próxima época.”

Nuno Batista: “O sabor que fica deste ano é um pouco “agridoce”, já que começou de uma forma extraordinária com 4 triunfos nas quatro primeiras corridas, o que nos permitiu liderar até à última jornada. Na última prova do ano tudo correu mal e nem sequer uma volta demos nas 4 corridas! Em 30 anos de carreira nunca tive um fim-de-semana tão mau… Isso hipotecou irremediavelmente as nossas hipóteses na luta pelo título e até o resultado final, que poderia e deveria ter sido em condições normais, no mínimo o vice-campeonato. Queria deixar uma palavra de apreço pelo excelente trabalho da Veloso Motorsport ao longo do ano, assim como ao imprescindível apoio dos nossos patrocinadores. Quero também dar os parabéns ao Francisco Mora, quanto a mim um justo vencedor deste campeonato.”

Ao longo de 2016, Nuno Batista e Francisco Carvalho tiveram o imprescindível apoio de: ADVOLOGY, Turboclinic, Florestal, Viapesados Truck Parts, Bardahl, Bernardo Marques, First Stop, CMEP, Gonksys, Homework e IPG.

Os dois pilotos preparam já a próxima época, aguardando-se novidades para o início do próximo ano.

 
Foto| Nuno Organista

 

Scroll To Top