Sexta-feira , Dezembro 15 2017
ÚLTIMAS
Home / MOTOS / Final inglório para a Parkalgar Racing Team nas 12H de Portimão
Final inglório para a Parkalgar Racing Team nas 12H de Portimão

Final inglório para a Parkalgar Racing Team nas 12H de Portimão

Merecia melhor sorte a primeira participação da Parkalgar Racing Team numa prova do campeonato do mundo de endurance. As 12 Horas de Portimão foram madrastas para as aspirações da equipa que depois de duas fantásticas recuperações  não conseguiu cruzar a linha de meta ao abandonar quando faltavam 41 minutos para o final da corrida portuguesa realizada hoje nos 4.592 metros de perímetro do Autódromo Internacional do Algarve.

“Já vinha a sentir a caixa de velocidade algo presa em voltas anteriores e por algumas vezes ficava mesmo com um ‘ponto morto falso’ em alguns momentos, em especial nas travagens para curvas mais lentas. Numa dessas curvas a caixa de velocidade acabou por ficar de forma inesperada engrenada em primeira velocidade, bloqueou a roda traseira e não consegui evitar a queda. Não havia nada a fazer e fomos mesmo forçados a abandonar. Sinto-me triste porque todos os três trabalhámos para tentar dar uma alegria aos portugueses e não o conseguimos fazer.” Comentou Miguel Oliveira no regresso ás boxes onde foi recebido com bastante carinho pelos elementos da equipa e pelos seus colegas, Miguel Praia e Matthieu Lussiana.

A equipa acabou por abandonar quando estavam cumpridas 11 horas e 19 minutos de corrida, a 41 minutos da bandeira de xadrêz que acabou por ser recebida em primeiro pela equipa da Yamaha GMT94 num final decidido por apenas 81 milésimas de segundo, a diferença mais curta na história do campeonato do mundo de resistência.

Como consolo a Parkalgar Racing Team ficou com a volta mais rápida em corrida, assinada por Miguel Oliveira na volta 261 das 352 que a equipa acabou por realizar, o que lhes permitiu mesmo assim terminar classificados na 20ª posição, que em nada espelha o fantástico trabalho realizado ao longo do fim-de-semana pela equipa que conquistou por duas vezes o titulo mundial de Supersport nos dez anos em que esteve nesse mesmo campeonato do mundo.

 

Scroll To Top