Segunda-feira , Junho 26 2017
ÚLTIMAS
Home / TODO-O-TERRENO / IVECO e De Rooy vencem mais uma Etapa com uma especial encurtada devido ao mau tempo
IVECO e De Rooy vencem mais uma Etapa com uma especial encurtada devido ao mau tempo

IVECO e De Rooy vencem mais uma Etapa com uma especial encurtada devido ao mau tempo

No total, a Etapa previa 438 km cronometrados divididos por duas secções distintas entre Tupiza e Oruro. Mas as chuvas torrenciais e o granizo levaram à decisão de interromper a prova no final da primeira parte da especial.

 

Graças a uma condução sem erros e à grande fiabilidade do seu IVECO Powerstar, Gerard de Rooy conseguiu garantir uma vitória importante na Etapa, agora que a prova se aproxima da conclusão da sua primeira metade. O holandês comandou desde a partida e manteve-se sempre na liderança da classe dos Camiões, terminando a jornada com 2h39m12s, quase doze minutos menos do que Eduard Nikolaev (Kamaz).

 

Nas palavras do próprio De Rooy à chegada, depois de obter a sua 32ª vitória em etapas do Rali Dakar, “Os primeiros 100 km do percurso foram em montanha, o que foi mesmo muito duro. No princípio, o tempo estava seco, mas depois veio a chuva. Contámos sempre com muita tracção no nosso camião e não cometemos erros de navegação, algo que não aconteceu com muitos dos nossos adversários.”

 

Com duas vitórias consecutivas, o líder do Team PETRONAS De Rooy IVECO está agora, primeira vez em 2017, no comando da prova, apesar de há dois dias ter perdido meia hora devido a problemas no sistema de gestão da pressão dos pneus.

 

Por seu lado, Ton van Gunegten teve problemas na primeira parte da Etapa, tendo ficado atolado na lama devido à chuva torrencial. O IVECO Trakker #507 perdeu quase quatro horas para o seu companheiro de equipa De Rooy, e as suas hipóteses de chegar ao top 10 são agora algo diminutas, embora a prova não esteja ainda a meio.

 

Por sua vez, Wuf van Ginkel e os seus companheiros perderam bastante tempo ao perderem-se por diversas vezes ao longo da Especial e também por terem parado para ajudar o Van Genugten, tendo alcançado a meta com mais 3h57m26s do que o vencedor. No final da Etapa, Van Ginkel e Van Genugten sofreram ainda uma penalização de duas horas.

 

O dia também não foi lá muito produtivo para Federico Villagra, que estava ontem na 2ª posição da Geral. Aos comandos de outro IVECO Powerstar, o argentino perdeu 46m50s para De Rooy e caiu para o 6º lugar.

 

A 6ª Etapa do Dakar 2017 ligará Oruro a La Paz, naquela que seria a Especial mais longa da prova, com 513 km cronometrados e onde a caravana andaria pelos 4400 metros de altitude foi, entretanto, anulada pela organização, em virtude da deterioração das condições atmosféricas. A caravana segue, assim, para o Dia de Descanso na capital da Bolívia.

 

 

Classificação da 5ª etapa – Dakar 2017

  1. Gerard de Rooy (IVECO) 2h39m12s
  2. Eduard Nikolaev (Kamaz) + 11m58s
  3. Airat Mardeev (Kamaz) + 14m04s

———–

  1. Federico Villagra (IVECO) + 46m50s

———–

  1. Ton van Genugten (IVECO) + 5h48m09s

———–

  1. Wuf van Ginkel (IVECO) + 5h57m26s

 

Classificação Geral – Dakar 2017

  1. Gerard de Rooy (IVECO) 14h06m07s
  2. Eduard Nikolaev (Kamaz) + 2m23s
  3. Dmitry Sotnikov (Kamaz) + 06m36s

———–

  1. Federico Villagra (IVECO) + 34m30s

———–

  1. Ton van Genugten (IVECO) + 6h07m03s

———–

  1. Wuf van Ginkel (IVECO) + 7h04m34s

 

Scroll To Top