Sexta-feira , Julho 20 2018
ÚLTIMAS
Home / RALI / Kajetan Kajetanowicz domina no Chipre (por Ricardo Nascimento)
Kajetan Kajetanowicz domina no Chipre (por Ricardo Nascimento)

Kajetan Kajetanowicz domina no Chipre (por Ricardo Nascimento)

Com uma lista de inscritos pouco expressiva, disputou-se hoje o primeiro dia do Cyprus Rally nos troços mistos de asfalto e gravilha com muito pó, tendo luta pela primeira posição entre dois pilotos, mas de campeonatos diferentes.
Com um ritmo excelente, com excepção na primeira especial, Kajetan Kajetanowicz subiu à primeira posição na terceira especial, venceu seis dos oito troços disputados e sem a presença de Craig Breen, o polaco tem hipóteses de vir a ficar isolado no campeonato.Nasser Al-Attiyah foi o primeiro líder do rally nas duas primeiras especiais, foi o mais rápido em duas especiais em termos absolutos e terminou o dia na segunda posição a 13,2s de Kajetanowicz. No que diz respeito ao MERC, Al-Attiyah lidera de forma destacada.

Bruno Magalhães subiu à terceira posição na segunda especial e conseguiu manter-se no mesmo lugar durante o resto do dia, apesar de ter efetuado um pião e alguns alarmes com a válvula pop-off. “Hoje foi um grande dia para nós , com um excelente 2 lugar no Europeu! Um rali muito duro , com muito calor e muita pedra, no entanto temos conseguido estar em boa forma , embora com ligeiros contratempos.” comentou o piloto português na sua página do facebook.

Abdulaziz Al-Kuwari não começou bem na primeira especial, mas conseguiu subir rapidamente à quarta posição, terminando o dia a 41,1s de Magalhães e segundo entre os pilotos do MERC.

Com pouca experiência em pisos de gravilha, o checo Jaromír Tarabus rodou sempre na quinta posição, terminando o dia a 8,9s de Al-Kuwari e terceiro no ERC.

Robert Consani chegou a passar pela quarta posição, mas perdeu muito tempo com um pião na terceira especial, baixou para sexto e manteve uma interessante luta com Tarabus pelo lugar mais baixo do pódio no ERC.

O local Christos Demosthenous terminou o dia a liderar o ERC2, com uma vantagem 24,9s para o húngaro David Botka que está em luta direta com Antonin Tlust’ák.

Alexey Lukyanuk começou o rally com o segundo melhor tempo na primeira especial, mas logo a seguir ficou sem direção assistida no Fiesta R5 e a sua equipa não conseguiu resolver o problema na assistência, tendo o russo feito praticamente todo os troços sem direção assistida.

dia 1

 

 

Scroll To Top