Quinta-feira , Julho 19 2018
ÚLTIMAS
Home / VELOCIDADE / Leitão e Pires vencem corridas de Portimão do Super 7 By KIA
Leitão e Pires vencem corridas de Portimão do Super 7 By KIA

Leitão e Pires vencem corridas de Portimão do Super 7 By KIA

Eduardo Leitão e José Carlos Pires foram reis e senhores das corridas do Super 7 by Kia no Autódromo Internacional do Algarve (AIA) que se realizaram neste fim-de-semana. O primeiro deu continuidade à boa campanha iniciada em Jerez, enquanto o segundo evolui positivamente, corrida após corrida. Entre os concorrentes Business, Tiago Carvalho impôs-se em ambos os confrontos e lidera a competição antes da derradeira jornada.

Com o Verão de final de outubro, as equipas competiram durante três dias na pista do AIA sempre com piso seco. No confronto inaugural, David Saraiva saiu da pole-position mas teve um acidente na curva três e saiu da luta pela vitória. Esta ficou em exclusivo para Eduardo Leitão e José Carlos Pires. Os dois discutiram o primeiro lugar até ao último metro, numa vitória de Leitão praticamente decidida com recurso ao photo-finish. Nuno Santos acabou em terceiro, resultado que marca o seu regresso a um pódio do Super 7 by Kia.

“Saí de segundo e quando o Saraiva bateu fiquei sozinho com o Pires. Conseguimos margem para a concorrência, até que entrou o safety-car. Depois deste sair, voltámos a abrir. A três voltas do fim senti o carro a escorregar. Optei por abrandar um pouco o ritmo sem deixar de o pressionar. Na última volta percebi que ele tinha mais dificuldades em controlar o carro e, na parabólica de acesso à recta da meta, aproveitei o cone de ar para o passar. Foi muito bom. Já tenho duas vitórias, mas nada está garantido, porque no Estoril as pontuações são a dobrar”, contou Eduardo Leitão.

Nota, ainda, para a luta pelo quarto posto protagonizada por José João Magalhães e João Galvão. O portuense superiorizou-se, mas com uma vantagem de apenas duas décimas.

Na categoria Business, Tiago Carvalho esteve imperial e somou o segundo triunfo depois de já ter ganho em Jerez. O piloto destacou a diversão sentida ao longo das 15 voltas dadas ao circuito e à recuperação feita. “Sofri um toque e tive de ir à box. Consegui regressar à pista sem ser dobrado. Aproveitei a situação de safety-car para recuperar e quando este saiu comecei a subir posições até acabar em nono e primeiro da classe”, contou. Luís Calheiros Ferreira ficou em segundo e José Kol de Almeida completou o pódio.

Na segunda corrida, José Carlos Pires voltou a estar em evidência. Desta vez, mostrou uma superioridade evidente e ganhou, depois de ter liderado de início ao fim. “A minha preocupação era distanciar-me o máximo possível para que os meus adversários não pudessem apanhar o meu cone de ar”, explicou o piloto. A partir da terceira volta, a margem conquistada permitiu-lhe gerir e levar o seu Super 7 até à bandeira de xadrez na frente. “Conheço cada vez mais o carro. Jerez não correu muito bem mas adaptei-me muito depressa ao circuito algarvio. Mudei de carro com volante à esquerda para um com volante e a diferença nota-se. A maior parte das pistas têm sentido para a direita e o carro que tenho agora revela-se mais eficaz”, sublinhou Pires.

O espectáculo maior ficou reservado, então, para a discussão intensa e espectacular pelo segundo posto entre Sérgio Saraiva, que levou a melhor, Hugo Araújo, que acabou em terceiro, e José João Magalhães, que repetiu o quarto posto da primeira corrida. No confronto pela quinta posição, Duarte Aguiar foi mais forte do que Luís Lisboa.

Entre os Business, Tiago Carvalho voltou a vencer, enquanto Luís Calheiros Ferreira repetiu o segundo posto e Rodrigo Galveias acabou no último lugar do pódio.

Nesta jornada, Paulo Macedo e Nuno Santos já experimentaram o modelo R300 que vai ser introduzido no Super 7 by Kia em 2017. Foi a primeira experiência de pilotos portugueses ao volante deste modelo mais competitivo e os sinais são entusiasmantes. Na primeira corrida, Macedo discutiu o terceiro lugar até à última volta, enquanto na segunda, Nuno Santos fez tempos ao nível dos pilotos que ficaram no pódio.

 

Scroll To Top