Segunda-feira , Outubro 23 2017
ÚLTIMAS
Home / MOTOS / Luis Correia vence em Vila de Rei
Luis Correia vence em Vila de Rei

Luis Correia vence em Vila de Rei

Em véspera de Páscoa foi debaixo de intensa chuva, nevoeiro e frio que se realizou a segunda prova do Nacional de Enduro 2016. Com organização a cargo dos estreantes Esganados TT a prova marcou igualmente a estreia de Vila de Rei como paragem do enduro nacional, sendo por isso a primeira vez que pilotos e equipas percorreram os trilhos ao longo das serras que demarcam o centro de Portugal.

Com meia centena de quilómetros de percurso e três especiais desenhadas ora junto ao centro da vila – Extreme Test – ou num raio de poucos quilómetros de distância  – Enduro e Cross Test – foram 174 os pilotos que marcaram presença na linha de partida junto ao Parque-Fechado numa chuvosa manhã de Sábado, em contraste total com o dia anterior onde a chuva não marcou presença.

Perante a adversidade acrescida devido ás exigentes condições climatéricas os pilotos enfrentaram uma prova que se tornou ainda mais exigente e foi mesmo a água que causou a primeira vitima do dia, o próprio campeão nacional da especialidade, Luis Oliveira, que vitima de um incómodo problema eléctrico na sua moto foi mesmo forçado a penalizar ainda na volta de abertura, penalização essa que automaticamente o colocou fora da luta pela vitória, ele que sem os onze minutos averbados teria sido o terceiro classificado final.

Com Luis Oliveira a ficar fora da contenda foi Gonçalo Reis o primeiro líder da corrida ao vencer a primeira das onze especiais em agenda. Mas logo na segunda especial foi Luis Correia quem respondeu da melhor forma, passando para o comando da corrida ao passar para a frente de Joaquim Rodrigues e Gonçalo Reis, os dois mais rápidos na primeira especial. Ainda a recuperar de uma recente lesão Joaquim Rodrigues era forçado a dosear o seu ritmo e perdia para a concorrência, segurando a terceira posição até ao final da primeira metade da prova quando foi passado por Diogo Ventura.

Lá na frente Correia e Reis estavam separados por muito pouco, mas na terceira volta Gonçalo Reis cometeu dois pequenos erros e perdeu alguns segundos para Luis Correia, que segurou essa mesma vantagem até ao final da corrida para colocar de novo a sua moto em Parque-Fechado com menos de 30 segundos de vantagem para Reis que mesmo batendo Correia nas derradeiras especiais não conseguiu anular a diferença para o piloto da Moçarria.

Com Joaquim Rodrigues a baixar o ritmo Diogo Ventura reforçou na segunda metade da corrida a terceira posição, para fechar no pódio esta segunda prova do campeonato, ficando Joaquim Rodrigues em quarto na frente do melhor piloto da Elite 1, João Lourenço, que conquistou a sua primeira vitória entre a Elite do enduro nacional. Entre classes Luis Correia e João Lourenço foram os vencedores respectivamente em Elite 2 e Elite 1.

Entre os pilotos da Open as penalizações decidiram o resultado final e quem mais perdeu com os atrasos foi mesmo João Vivas. O vencedor da prova de abertura em Castelo Branco sofreu uma penalização de quatro minutos e desceu ao terceiro posto final mesmo recuperando quase metade dessa diferença para o vencedor, André Mouta, que se estreou no degrau mais alto do pódio no campeonato, na frente de João Hortega, este o único sem penalizações entre os quatro que concluiram a prova. Fernando Sousa Jr. foi o quarto classificado.

Entre os Verdes a vitória em Verdes 1 foi para Gerson Lopes, com Manuel Moura a ser o melhor em Verdes 2 e Diogo Lopes em Verdes 3. Albano Mouta venceu nos Veteranos e Fernando Lopes em Super Veteranos, com Rita Vieira a ser a melhor nas Senhoras. Nuno Claro foi o primeiro classificado na Enduro Cup e Tomás Clemente venceu na Youth Cup, o mesmo se passando com Tiago Henriques, o melhor nos Hobby.

A próxima prova do campeonato nacional de Enduro realiza-se nos dias 16 e 17 de Abril e juntamente com a caravana do campeonato do mundo levará os pilotos nacionais até Gouveia para será igualmente a primeira prova de dois dias neste ano de 2016.

Classificação final

Elite
1º Luis Correia – Beta com 1h02m23.352s; 2º Gonçalo Reis – KTM a 29.29s; 3º Diogo Ventura – Gas Gas a 1m13.693s; 4º Joaquim Rodrigues – KTM a 2m39.65s; 5º João Lourenço – Sherco a 5m10.918s

Elite 1
1º João Lourenço – Sherco com 1h07m45.27s; 2º Fábio Pereira – Yamaha a 49.988s; 3º André Fernandes – MotoExtreme a 5m52.427s; 4º Luis Oliveira – Yamaha a 6m52.044s

Elite 2
1º Luis Correia – Beta com 1h02m23.352s; 2º Gonçalo Reis – KTM a 29.29s; 3º Diogo Ventura – Gas Gas a 1m13.693s; 4º Joaquim Rodrigues – KTM a 2m39.65s; 5º Hélder Rodrigues – Yamaha a 6m18.776s

Open
1º André Mouta – KTM com 1h09m25.128s; 2º João Hortega – KTM a 1m05.838s; 3º João Vivas – Beta a 2m16.523s; 4º Fernando Sousa Jr. – KTM a 6m25.158s

Verdes 1
1º Gerson Lopes – Yamaha com 50m32.62s; 2º Diogo Marques – KTM a 1m18.677s; 3º Tomás Clemente – KTM a 3m32.881s; 4º João Nobre – Kawasaki a 4m52.484s; 5º Manuel Teixeira – KTM a 5m17.259s

Verdes 2
1º Manuel Moura – Yamaha com 50m22.51s; 2º Márcio Barbosa – KTM a 1m30.371s; 3º Márcio Antunes – Sherco a 1m45.008s; 4º Luis Ferreira – Husaberg a 3m24.376s; 5º Marco Correira – Beta a 3m49.442s

Verdes 3
1º Diogo Lopes – KTM com 53,07.095s; 2º Filipe Conceição – KTM a 5.307s; 3º Rui Almeida – MotoExtreme a 13.798s; 4º Jorge Ribeiro – TM a 1m04.988s; 5º Salvador Vargas – KTM a 2m27.187s

Veteranos
1º Albano Mouta – KTM com 53m18.351s; 2º Nuno Freitas – KTM a 1m15.641s; 3º Ludgéro Sousa – KTM a 2m51.291s; 4º Alcides Calçada – Honda a 4m25.14s; 5º Filipe Abreu – KTM a 4m46.857s

Super Veteranos
1º Fernando Lopes – KTM com 40m14.242s; 2º Luis – Beta a 2m56.289s; 3º Rui Costa – Husqvarna a 3m17.41s; 4º Carlos Ferreira – Yamaha a 8m25.074s; 5º Fernando Sousa – KTM a 21m52.588s

Senhoras
1ª Rita Vieira – Beta com 1h32m30.062s; 2ª Flávia Rolo – KTM a 6m57.779s; 3ª Vera Nogueira – KTM a 17m32.425s; 4ª Bruna Antunes – KTM a 19m07.746s; 5ª Sofia Porfirio – Husqvarna a 20m21.032s

Enduro Cup
1º Nuno Claro – AJP com 1h43m35.828s; 2º João Pedro – Beta a 22m34.845s; 3º Francisco Alvoeiro – Beta a 38m41.390s; 4º Frederico de Jesus – AJP a 1h16m07.130s

Youth Cup
1º Tomás Clemente – KTM com 54m05.501s; 2º Manuel Teixeira – KTM a 1m44.378s; 3º André Marques – Yamaha a 13m03.187s; 4º Vasco Salema – KTM a 14m30.976s; 5º João Amoedo – Yamaha a 47m04.943s

 

Scroll To Top