Quinta-feira , Setembro 20 2018
ÚLTIMAS
Home / VELOCIDADE / LUÍS NUNES BISOU NA RAMPA DA FALPERRA
LUÍS NUNES BISOU NA RAMPA DA FALPERRA

LUÍS NUNES BISOU NA RAMPA DA FALPERRA

 

 

 

Se a rampa da Penha já tinha sido difícil em termos de condições atmosféricas, então a rampa da Falperra, no passado fim de semana atingiu o topo, pois a chuva forte, piso muito molhado e escorregadio, tudo isso contribui para o incremento das dificuldades de todos os participantes. Assim Luís Nunes ao volante do seu Seat León de ultima geração, foi o brilhante vencedor da categoria 4, ao conseguir fazer nas três subidas de prova os tempos de  3.17.328, 2.39.204 e 2.38.535, num total de 5.17.739, o que conduziu a mais uma vitória em termos de categoria, caminhando assim Luís Nunes, para uma eventual revalidação do titulo, na qual nos começou por dizer “ vamos com calma, esta foi a segunda prova do Campeonato, direi apenas que está cumprido 25%, faltando ainda os restantes 75 %, por isso muita coisa pode acontecer”.

 

 

Sobre a prova, Luís Nunes falou-nos um bocado, continuando “foi uma vitória na Rampa da Falperra, talvez a mais emblemática de todo o Campeonato de Montanha, com chuva intensa, que não deu qualquer tipo de tréguas durante o decorrer do fim de semana. Depois tive uma luta interessante contra todos os meus adversários, e como se isso não bastasse, ainda tive de lutar contra  as injustiças por parte da entidade organizadora, nesse caso o Clube Automóvel do Minho. Na última subida de sábado, quando ia a fazer a minha melhor subida do dia, fui obrigado a abrandar  drasticamente a velocidade do meu Seat Leon, ao ver bandeiras amarelas agitadas, isso motivado por uma  acidente dum adversário. Até aqui tudo bem, o problema é que o director de prova decidiu que eu e os outros adversários prejudicados, que estavam em prova ao mesmo tempo que eu, não podíamos repetir a subida ao contrário do que diz o regulamento. Com esta penalização fiquei obrigado  a dar o tudo por tudo nas subidas de domingo, e ter de andar nos limites sem cometer erros para não estragar o fim de semana, mas como eu costumo dizer, quanto mais difícil a vitória, mais saborosa se torna…”

 

Para termina Luís Nunes acrescentou ” quero agradecer à Martinsspeed e à Veloso Motorsport  por me terem entregue o Seat Leon super perfeito, cujo contributo foi decisivo, disso não tenho dúvida nenhuma “.

 

 

Scroll To Top