Terça-feira , Agosto 21 2018
ÚLTIMAS
Home / MOTOS / Miguel Oliveira calculista em França
Miguel Oliveira calculista em França

Miguel Oliveira calculista em França

 

Miguel Oliveira teve mais uma exibição bem conseguida em França, prosseguindo na sua faina de recolher pontos para o Campeonato do Mundo, no qual ocupa o 8.º lugar na classe Moto3 – a mesma posição alcançada na meta de Le Mans.

O número 8 acompanhou Miguel Oliveira em França, nesta quinta jornada do “Mundial” de Velocidade – 8.º na qualificação, na corrida e agora no Campeonato. Mas pelo meio, uma história para contar, pautada por boa gestão de desempenho, adequada à evolução dos acontecimentos.

Após uma qualificação marcada pelo aparecimento da chuva, que impediu os pilotos de rolarem o tempo desejado em condições ideais, hoje Miguel Oliveira passou o primeiro terço da corrida a oscilar entre 6.º e 7.º. Depois, sempre seguro nas ultrapassagens, subiu sucessivamente para 5.º e 4.º, surgindo em posição de corresponder aos incrementos de ritmo na dianteira.

A sete voltas do fim, porém, Fabio Quartararo caiu mesmo diante do português. Na sequência, Oliveira perdeu algum terreno e baixou para 8.º, justamente numa altura em que os homens da frente ficaram divididos em dois grupos de quatro pilotos. Miguel recolou ao segundo grupo, na penúltima volta ainda chegou a ser 7.º colocado, mas foi novamente ultrapassado e em boa ordem cruzou a meta no 8.º lugar, sem correr riscos para terminar a 4,065s do vencedor.

O resultado é interessante, pois se o lusitano ocupa a 8.ª posição na competição, está apenas a 26 pontos do 2.º classificado – pouco mais que uma vitória, que vale 25 pontos. Com mais de metade do Campeonato ainda por disputar, Miguel Oliveira pode acalentar as melhores aspirações.

Em Le Mans subiram ao pódio três italianos, com Romano Fenati no lugar mais alto. O guia do “Mundial”, Danny Kent, teve de concretizar uma vigorosa recuperação e desta vez terminou em 4.º. A próxima corrida realiza-se no dia 31 de Maio, em Mugello.

Campeonato: 1.º Danny Kent (Honda) 104 pontos; 2.º Enea Bastianini (Honda) 67; 3.º Efren Vazquez (Honda) 60; 4.º Fabio Quartararo (Honda) 52; 5.º Romano Fenati (KTM) 51; 6.º Isaac Viñales (Husqvarna) 47; 7.º Brad Binder (KTM) 44; 8.º Miguel Oliveira (KTM) 41; etc.

 

 

Scroll To Top