Quinta-feira , Setembro 21 2017
ÚLTIMAS
Home / MOTOS / Miguel Oliveira regresso à catedral de Mugello
Miguel Oliveira regresso à catedral de Mugello

Miguel Oliveira regresso à catedral de Mugello

Dois anos depois de ter conseguido a sua primeira vitória no campeonato do mundo Miguel Oliveira regressa este fim-de-semana ao circuito de Mugello na Toscânia, Itália, para cumprir a sexta prova do campeonato do mundo de Moto2.

De regresso à KTM com quem venceu nesse histórico dia 31 de Maio de 2015 a primeira de seis vitórias no seu palmarés, a realidade é totalmente distinta para o piloto de Almada, agora a cumprir o seu segundo ano no campeonato do mundo de Moto2 e motivado para esquecer um fim-de-semana menos positivo em Le Mans na ronda anterior.

“Depois da corrida de Le Mans onde o resultado não foi o melhor vou para Mugello um pouco mais motivado. Le Mans não foi das melhores corridas, ambicionávamos muito mais depois do início do campeonato e creio que esse terá sido o nosso maior ‘provocador de desvios’ do fim-de-semana.”

Depois dos bons resultados no arranque da temporada a prova gaulesa foi um duro recordar de que o projecto KTM está no seu primeiro ano de vida, mas a motivação e a forma de trabalhar não se alterou numa equipa habituada a vencer e a superar as dificuldades.

“Voltamos ao Mugello com os pés bem mais assentes na terra do que fomos para Le Mans. Vamos continuar a trabalhar da mesma forma, a equipa está a trabalhar de forma excelente e a manter-me sempre motivado e isso é o mais importante.”

Sendo uma pista onde Miguel Oliveira se sente bastante à vontade, o circuito toscano tem os seus segredos que têm que ser superados pela moto austríaca.

“Mugello é um traçado muito complicado, com muitos ‘esses’, muitas mudanças de direcção, certamente isso não tem sido o nosso forte pelas características da moto. Por isso vamos de mente aberta e tentar trazer o melhor resultado possível para casa num circuito onde tive a maior alegria da minha carreira, a minha primeira vitória, e por isso é sempre bom voltar e recordar esses bons momentos.”

No regresso ás pistas do campeonato do mundo depois de ter estado no passado fim-de-semana em Vila Nova de Santo André na segunda prova do Oliveira Cup (troféu/escola promovido por Miguel Oliveira neste ano de 2017) Miguel Oliveira vai defender a quarta posição na classificação geral do mundial de Moto2, sendo apenas três os escassos pontos que o separam da terceira posição.

Declarações áudio para descarregar

NOTA: A corrida de Miguel Oliveira no próximo Domingo será exibida no cinema São Jorge em Lisboa no decorrer do Lisbon Motorcycle Film Fest 2017 numa sala com 800 lugares e entrada livre.

Autódromo del Mugello
Extensão: 5.245 metros
Largura: 14 metros
Curvas para a esquerda: 6
Curvas para a direita: 9
Recta mais longa: 1141 metros
Ano de construção: 1974

Campeonato
1º Franco Morbidelli (Kalex) com 100 pontos
2º Thomas Luthi (Kalex) 80
3º Alex Marquez (Kalex) 62
4º Miguel Oliveira (KTM) 59
5º Francesco Bagnaia (Kalex) 53

 

Scroll To Top