Segunda-feira , Maio 28 2018
ÚLTIMAS
Home / MOTOS / Motobrioso KTM Galp a caminho de Portalegre – CNTT 2015
Motobrioso KTM Galp a caminho de Portalegre – CNTT 2015

Motobrioso KTM Galp a caminho de Portalegre – CNTT 2015

Já no próximo fim-de-semana a caravana TT ruma até ao Alto Alentejo para disputar a 29ª edição da Baja Portalegre 500, última jornada da época e onde serão entregues os respectivos títulos de Campeões Nacionais 2015.

Numa edição que apresenta algumas novidades em termos de traçado, uma vez mais organizada pelo Automóvel Club de Portugal/ACP Motorsport, esta prova que continua a ser uma referência no motociclismo nacional e internacional, irá contar com os seguintes pilotos da formação Motobrioso|KTM|Galp:

Mário Patrão – O piloto beirão, atual Campeão Nacional de Todo-o-Terreno procura terminar a época da melhor forma, vencendo pela sétima vez a Baja Portalegre 500 aos comandos de uma KTM 450SX-F com preparação Motobrioso. A época não começou da melhor forma, no entanto Patrão foi “crescendo” e chega a esta derradeira jornada com hipóteses de lutar pelo título.

equipa

Fausto Mota – Líder da classe TT3 e em posição privilegiada para a conquista do tão desejado título, o piloto vilaboense apenas precisa de concluir a prova na quarta posição. Aos comandos do modelo 500EXC da KTM, Fausto já venceu por três vezes esta época e habitualmente é bastante feliz em Portalegre.

Luís Aguiar – Vice-Campeão Veteranos na época transata, Luís Aguiar sagrou-se este ano Campeão, quando ainda falta cumprir uma jornada. Segue assim para Portalegre com o objectivo de um bom lugar à geral e a merecida consagração.

Rafael Marques – O piloto atualmente a residir na Bélgica, regressa em Portalegre à competição após lesão prolongada. Motivado e a passar por um bom momento de forma, “Rafa” Marques irá utilizar a “pequena” mas muito rápida KTM 125EXC.

Ainda com apoio Motobrioso, estará em Portalegre a formação IS3 Racing Team com os habituais Fernando Sousa e Fernando Sousa Jr. – ambos aos comandos de modelos 350EXC-F.

Após verificações técnicas e administrativas a decorreram durante quinta-feira (22 de Outubro), os pilotos enfrentam duas especiais no dia seguinte – prólogo na Herdade das Coutadas com os habituais cinco quilómetros a definirem a ordem de partida para um segundo sector selectivo (SS2) que se realizará durante a tarde e que contará com 85 quilómetros de extensão. No dia de Sábado os 222 inscritos nas várias categorias da competição reservada às Motos terão pela frente uma única especial (SS3) com 350 km em linha.

 

Scroll To Top