Sexta-feira , Outubro 19 2018
ÚLTIMAS
Home / RALI / Motor pouco cooperante atrasa Miguel Campos
Motor pouco cooperante atrasa Miguel Campos

Motor pouco cooperante atrasa Miguel Campos

 

Miguel Campos e Victor Calado terminam dia em quinto

Motivados e à procura do ritmo competitivo o mais rápido possível, Miguel Campos e Victor Calado entraram bem no Rali Vinho da Madeira. Contudo, o motor do Peugeot 208 T16 R5 não foi cooperante como esperado e a equipa atrasou-se para terminar o primeiro dia na quinta posição a 33,1 segundos

Não foi desejada por Miguel Campos e Victor Calado que, depois de todo o trabalho de preparação desta participação no Rali Vinho da Madeira, esperavam começar a ganhar ritmo e competitividade neste primeiro dia de prova. Contudo, as dificuldades evidenciadas pelo propulsor do Peugeot limitaram esta evolução.

“Já tínhamos sentido o motor a falhar no shakedown mas acreditámos que tudo se resolveria a tempo da partida. Entrámos no rali de forma cautelosa, à procura do ritmo que nos falta e correu tudo bem no primeiro troço. No entanto, na passagem por Chão da Lagoa 1, os maus sinais voltaram a aparecer e perdemos algum tempo. Esperamos que a equipa consiga resolver o problema para voltarmos amanhã em condições de discutir os primeiros lugares com a concorrência”, afirmou

Amanhã é um longo dia no Rali Vinho da Madeira. São oito especiais que as equipas têm pela frente. Primeiro, repetem as passagens pelos troços já feitos e, depois de um parque de assistência, têm uma sessão dupla pelas classificativas Cidade de Santana (13,92 km), Referta (14,35 km) e 4 Estradas (15,13 km).

Classificação geral no final da primeira etapa

1o B. Magalhães/C. Magalhães Peugeot 208 T16 R5 24m23,5s

2o M. Nunes/J.P. Fernandes Mitsubishi Lancer Evo X R4 a 5,4s

3o R. Moura/A. Costa Ford Fiesta R5 a 15,1s

5o Miguel Campos/Victor Calado Peugeot 208 T16 R5 a 33,1s

 

Scroll To Top