Segunda-feira , Novembro 20 2017
ÚLTIMAS
Home / RALLYCROSS / Mundial de Rallycross visita o Báltico
Mundial de Rallycross visita o Báltico

Mundial de Rallycross visita o Báltico

O Campeonato Mundial Fally World Rallycross, apresentado pela Monster Energy, visitará os países do Báltico neste fim de semana, enquanto o World RX retorna a Riga para o segundo turno da Neste World RX da Letônia (15-17 de setembro). Um total de 81 carros competirão na Letônia, incluindo 51 carros Supercars (21 World RX; 30 Euro RX) e 30 Super1600. Riga também formará as rodadas finais do Campeonato Europeu de Rallycross FIA para Supercars e S1600.

É matematicamente possível para o líder da série, Johan Kristoffersson, vencer o título dos pilotos de 2017 na Letônia neste fim-de-semana com duas rodadas ainda por recorrer. Ele está atualmente 46 pontos à frente de seu colega de equipa da PSRX Volkswagen Suécia, Petter Solberg, mas Kristoffersson precisará estender essa liderança a 61 pontos para garantir o título. Na classificação das equipes, a PSRX Volkswagen Suécia também poderia ganhar o título de 2017 na Letônia. O time está atualmente em 112 pontos à frente do Team Peugeot-Hansen e, se terminarem Riga com a mesma liderança até o final deste fim de semana, terão garantido o troféu de 2017.

Kristoffersson explicou: “Petter e eu trabalhamos muito juntos, trabalhamos na mesma direção o tempo todo e trabalhamos para esse resultado. Conversamos com os engenheiros e quando você tem um carro ao seu redor que lhe dá confiança, isso significa que você pode realmente empurrar. O mais importante na Letônia é mais pontos para o time e outro passo em direção ao sonho “.

O ano passado marcou a primeira vez que o World RX visitou a Letônia e, apesar das chuvas torrenciais, os fãs desceram na pista em milhares para assistir Sebastien Loeb tomar sua primeira vitória na World RX. “A pista é fantástica e foi boa para dirigir mesmo na chuva”, explicou Mattias Ekstrom, que ficou em segundo lugar atrás do Loeb na final. “Este ano, já testámos em Riga e daremos tudo para reduzir um pouco a nossa lacuna para a competição. A França foi um passo na direção certa. Na fase de qualificação, estou atirando para o primeiro lugar e quer começar da pole position nas meias-finais “.

Para o herói local Reinis Nitiss, esta é uma corrida muito especial: “Riga é a minha casa, então é a motivação máxima”, explicou o letão.

Uma grande mudança de motorista no campeonato do Campeonato do Mundo neste fim de semana é JB Dubourg, que não participará do nascimento iminente de seu filho. Francois Duval da Bélgica substituirá Dubourg no DA Racing Peugeot Supercar. Duval retomou a história: “Quero agradecer a família Dubourg, e especialmente a Dominique, por terem pensado em mim como uma substituição adequada para este fim de semana. Jean-Baptiste compreensivelmente precisa ficar na França, então seu lugar estava vazio – quando recebi A proposta, eu não hesitei por um segundo. Espero que as condições climáticas sejam mutáveis, o que nivelará a diferença de poder dos carros. É difícil estabelecer um alvo exato, mas farei tudo para dar o máximo que puder. “.

O motorista do DTM, Nico Mueller, também fará sua segunda aparição do RX mundial, conduzindo o quarto Audi S1 ​​quattro para a equipe EKS. O finlandês Joni-Pekka Rajala vai competir com um Mitsubishi Mirage Supercar, enquanto a legenda francesa Herve Knapick fará sua última aparição no Campeonato Mundial em um Citroen DS3 executado por sua própria equipe.

Na rodada final do Euro RX Supercar Championship, liderado pelo Anton Marklund da Suécia, 30 pilotos competirão. O piloto da TouringCar, Philip Gehrman, fará seu segundo começo do ano do Supercar em um Eklund Motorsport Volkswagen Beetle. Outro motorista para fazer um retorno à série na Letônia será o polonês Martin Kaczmarski.

No Super1600, a estrela norueguesa Espen Isaksaetre vai competir com uma Peugeot 208 e o alemão Sven Seeliger vai competir em Ford Fiesta. O húngaro Attila Mozer (Skoda Fabia) e Martins Lapins da Letónia (Renault Twingo) vão estrear, enquanto Arnis Odins e Juris Spikis competirão com Twingos executado pela equipe Traubergs Motorsport. Edijs Oss (VW Polo) faz cinco drivers domésticos no Super1600.

Calendário
Sexta-feira, 15 de setembro
1600 Conferência de imprensa pré-evento no museu de Riga Motor ao lado do circuito

Sábado 16 de setembro
0830 Resumo dos fotógrafos
0900 Prática: Super1600
1000 Prática: World RX e Euro Supercar
1200 Q1: Super1600
Q1: Euro RX Supercar
Q1: World RX Supercar
1400 Monster Energy Rig Riot
1430 Q2: Super1600
Q2: Euro RX Supercar
Q2: World RX Supercar
1620 Q3: Super1600
1700 Conferência de imprensa com os três principais drivers do mundo RX
1800 sessão de autógrafos – World RX – fanzone

Domingo 17 de setembro
0830 Resumo dos fotógrafos
0830 Warm-up: todas as categorias, duas voltas, uma única vez
0930 Q3: World RX Supercar
Q3: Euro RX Supercar
Q4: Super1600
Q4: World RX Supercar
Q4: Euro RX Supercar
Manutenção de almoço e pista
1245 sessão de autógrafos – zona de fãs
1310 Monster Energy Rig Riot – zona de fãs
1330 semifinais: Super1600
Semifinais: Euro RX Supercar
1410 Final: Super1600
1500 semifinais: World RX Supercar
Final: Euro RX Supercar
Final: World RX Supercar
1500 Podium
1610 Conferência de imprensa: Top três World RX Supercar
1620 Conferência de imprensa: Top três Euro RX Supercar

Do ponto de vista de Cooper Tires. Paul Coates, Gerente Geral – Motorsport, Cooper Tire Europe: “O histórico e atmosférico circuito de corridas Bikernieki em Riga provou ser um grande sucesso no ano passado. É uma pista rápida e muito técnica para os drivers. Isso significa que os pneus estão experimentando mudanças rápidas nas forças que lhes são aplicadas por aceleração, travagem e encurralamento. Utilizamos nosso conhecimento multidisciplinar e experiência adquirida ao longo dos últimos 20 anos para produzir um pneu que é mais do que capaz de lidar com as forças extremas encontradas no rallycross “.

 

Scroll To Top