Segunda-feira , Agosto 21 2017
ÚLTIMAS
Home / VELOCIDADE / Nacional de Montanha Valvoline termina em Boticas
Nacional de Montanha Valvoline termina em Boticas

Nacional de Montanha Valvoline termina em Boticas

 

 

A brilhante edição de 2016 do Campeonato Nacional de Montanha Valvoline, aproxima-se do fim, com a Rampa de Boticas a receber no próximo fim-de-semana de 01 e 02 de Outubro, a última e decisiva jornada desta competição. Organizada pela Demoporto, esta prova tem o forte apoio da Câmara Municipal de Boticas.

Com uma lista ainda provisória de 32 pilotos inscritos, são vários os ceptros que estão por atribuir, com especial destaque para o título absoluto e na Categoria 1, onde competem os bólides mais rápidos.

Rui Ramalho em Osella PA21S Evo e Pedro Salvador em Norma M20FC, chegam a esta prova separados por apenas 4 pontos, com Ramalho na frente do campeonato. Ausente na prova anterior disputada em Murça, a Salvador só a vitória interessa, o que eleva a emoção do duelo pelo triunfo, sendo de aguardar um excelente espetáculo para este fecho de época.

Paulo Ramalho em Juno CN09 e Nuno Guimarães em BRC CM02 serão espectadores atentos desta luta, e vão decidir entre si e com o regressado António Barros (BRC CM05), quem ocupa o derradeiro lugar do pódio.

Tendo sido uma das mais espectaculares do ano, também a Categoria 2 vai decidir o nome do campeão em Boticas. São sete os pontos que separam os dois primeiros, com Gonçalo Manahu em Porsche 997 GT3 Cup a partir na frente, face à oposição de Edgar Reis em carro idêntico. José Correia em Nissan GT-R Nismo pode imiscuir-se na luta pela vitória, ele que já esteve perto de o conseguir em outras provas.

Na Categoria 3, Manuel Correia depende de si próprio para chegar ao título, com o piloto do Ford Fiesta R5 a chegar a esta prova a apenas oito pontos do líder Luis Silva (BMW M3). Este último estará ausente em Boticas, já que teria de deitar um resultado “fora”, o que já não acontece com Correia, a quem basta pontuar para suplantar o seu adversário. Sérgio Nogueira garantiu já a terceira posição da categoria e vai tentar nesta prova nova subida ao pódio.

Na Categoria 4 já se conhece há duas provas o nome do campeão, Luis Nunes (SEAT Leon Cup Racer), que chega a Boticas com tudo definido e como favorito número um à vitória. José Cerqueira e Simon Martinez, ambos em SEAT Leon Copa MKI vão lutar pelos outros lugares do pódio desta categoria.

Nas categorias reservadas aos automóveis clássicos, se tudo está decidido no que diz respeito ao título na Categoria 6, com o campeão Hélder Silva a optar pela ausência nesta prova, sendo que o único inscrito, Martine Pereira (Lola T70), poderá sagrar-se vice-campeão, já na Categoria 5 está ainda tudo em aberto.

O líder, Parcídio Summavielle em Datsun 240Z e Pedro Cerqueira em BMW E30, chegam a esta derradeira contenda, separados por escassos 4 pontos. Apesar da vantagem de Summavielle, Cerqueira poderá sagrar-se campeão, já que o líder tem ainda de deitar uma pontuação “fora”.

Na Taça Nacional de Montanha, a luta pela vitória será mais uma vez entre Roberto Meira em Fiat Punto e Leonel Brás em Citroen AX Sport, com Meira a chegar a esta prova com o título já no bolso. A Taça Nacional de Clássicos Montanha, não estará representada em Boticas.

Programa Horário:

10.09.2016 – Sábado

14H30 – 1ª Subida de Treinos
15H30 – 2ª Subida de Treinos
16H30 – 1ª Subida de Prova

11.09.2016 – Domingo

10H00 – 3ª Subida de Treinos
11H00 – 2ª Subida de Prova
12H00 – 3ª Subida de Prova
Fotos: Pedro Ferreira/Foto GTi

 

Scroll To Top