Domingo , Novembro 19 2017
ÚLTIMAS
Home / MOTOS / Nacional de TT ruma ao Alentejo
Nacional de TT ruma ao Alentejo

Nacional de TT ruma ao Alentejo


• António Maio defende liderança
• Frente a frente entre jovens e consagrados nos Quad
• Buggy/UTV com muitos candidatos à vitória
• Mais de oito dezenas de inscritos

Um mês depois da estreia em Góis, o Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno está de volta e serão desta feita as pistas do Alentejo que irão receber uma caravana de mais de 80 equipas inscritas para a 28ª edição do Raid TT da Ferraria, cujo centro nevrálgico está sediado no Gavião.

António Maio defende liderança
Nas duas rodas a liderança do campeonato pertence a António Maio, depois do piloto da Yamaha ter triunfado em Góis, numa corrida em que o campeão Mário Patrão não teve uma estreia feliz aos comandos da KTM a sua aposta para esta temporada. Uma queda colocou-o fora de uma corrida que viu o jovem Luís Oliveira terminar na segunda posição. O piloto de Enduro não vai todavia estar presente na Ferraria pelo que deveremos assistir ao tradicional duelo Maio vs Patrão. Ausente em Góis por doença está de regresso o jovem campeão TT1, Sebastien Buhler, colega de Maio, tal como Luís Teixeira. Este, campeão em título de TT3, subiu ao pódio em Góis e venceu a classe frente ao seu habitual rival Fausto Mota, da KTM. Destaque para nova e importante presença nas provas do CNTT dos consagrados Ruben Faria e Hélder Rodrigues.

Nos Quad perspetiva-se um frente a frente entre jovens e consagrados
Vencedor surpresa em Góis, Tiago Gomes parece estar firmemente apostado em mostrar o seu valor no todo-o-terreno, ele que é um consagrado piloto de Freestyle. Na Ferraria terá pela frente o também consagrado e campeão 2013, Beto Borrego. Contra eles apresentam-se dois jovens em quem a modalidade e a disciplina muito apostam. Bruno Ferreira tem estado a fazer um percurso muito consistente e foi 2º em Góis. Rúben Alexandre já deu prova de ter um andamento extremamente rápido e está de regresso às competições do CNTT, depois de longa ausência.

Buggy/UTV com muitos candidatos à vitória
Mas é entre os concorrentes UTV & Buggy que se prevê maior luta pela vitória. Em Góis, os três primeiros terminaram dentro do mesmo minuto, mas chegaram a ser cinco equipas a lutar taco-a-taco. João Lopes venceu, encabeçando uma longa lista de pilotos, todos em Polaris RZR, onde se destacaram Vítor Santos, os irmãos espanhóis Teo e Roberto Viñaras, João Dias, mas também o jovem Miguel Jordão (6º) que venceu a classe promoção e ainda Dorothee Ferreira (7ª) que venceu entre as Senhoras e nos Veteranos.
Em Góis assistiu-se á estreia da nova máquina de António Ferreira que venceu entre os Buggy, depois de Bruno Martins (Rage) ter dominado e ter sido um dos pilotos que lutou pela vitória absoluta, e também à do novo CanAm Turbo pilotado por Avelino Luís. Para além destes vai estar Ferraria uma segunda destas máquinas e mais prometem estar a caminho para tentar combater o domínio da Polaris.
De destacar a forte presença feminina com três senhoras a pilotar e mais quatro na posição de navegação.

O XXVIII Raid TT da Ferraria começa no sábado com as verificações administrativas e técnicas seguidas de uma primeira etapa na qual está incluído um troço seletivo de 20 quilómetros que para além de contar para a classificação definirá a ordem de partida de esta seguinte. No Domingo cada disciplina enfrenta, à vez, um percurso de aproximadamente 60 quilómetros, a ser percorrido por três vezes. Os concorrentes da classe Hobby que são já uma dúzia e que farão apenas duas voltas.

Outras informações sobre a prova em www.clubeferraria.pt
Fotos ABTFoto

 

Scroll To Top