Domingo , Dezembro 17 2017
ÚLTIMAS
Home / TODO-O-TERRENO / O PEUGEOT 3008 DKR ENTRA EM AÇÃO
O PEUGEOT 3008 DKR ENTRA EM AÇÃO

O PEUGEOT 3008 DKR ENTRA EM AÇÃO

 

 

Após duas sessões de testes, o novo PEUGEOT 3008 DKR está pronto para a sua estreia em competição, participando – com o Team Peugeot Total – no Rali de Marrocos, prova que se desenrola entre os dias 2 e 7 de Outubro.

 

  • O novo PEUGEOT 3008 DKR está pronto para a sua estreia em competição. Com o apoio dos seus parceiros Total, Red Bull, BFGoodrich e Sparco, e entregue à dupla Carlos SAINZ/Lucas CRUZ, o 3008 DKR vai alinhar no Rali de Marrocos, prova que se disputa entre 2 e 7 de Outubro.

 

  • Geralmente considerado como um ensaio geral do Dakar seguinte, o Rali de Marrocos constitui uma etapa importante para a Peugeot no âmbito do desenvolvimento da sua nova máquina de competição. Beneficiando de um significativo conjunto de evoluções face ao modelo antecessor, vencedor do Dakar e do Silk Way Rally 2016, o PEUGEOT 3008 DKR parte para Marrocos de forma a cumprir a última etapa do seu programa de testes.

 

  • Durante o último verão, o Dream Team Peugeot esteve envolvido no desenvolvimento do PEUGEOT 3008 DKR, realizando duas sessões de testes e nada menos de 5 000 km percorridos em Espanha e em Marrocos, neste último caso, com o objetivo de testar as novas soluções em condições reais (calor, areia e dunas) e encontrar as afinações adaptadas a cada equipa.

 

Dos testes… à competição

 

 

Erfoud, em Marrocos, e Espanha foram as zonas escolhidas para centralizar os testes da Peugeot Sport para a época de 2016. Nesses locais, os terrenos e o ambiente reúnem todas as características do Dakar (clima, variedade de pisos…), com condições propícias ao desenvolvimento de carros de rally-raid. As duas sessões de testes do PEUGEOT 3008 DKR que tiveram lugar durante o passado verão vieram confirmar os esforços dos engenheiros da Peugeot ao longo de todo o ano. Claro que nada é mais eficaz do que a utilização em condições de competição real, como será agora o caso de Marrocos.

 

O trabalho de desenvolvimento do PEUGEOT 3008 DKR concentrou-se em diversos parâmetros técnicos: modificação dos amortecedores e da geometria das suspensões para melhorar o comportamento do carro nas pistas acidentadas das provas de rally-raid; melhoria do binário para obter melhores recuperações a baixo regime, principalmente nas dunas; nova carroçaria mais aerodinâmica; sistema de climatização no cockpit para o Dream Team estar em condições de garantir a sua máxima performance, mesmo debaixo de intenso calor.

 

 

Tem a palavra o Dream Team …

 

«Concentrámos o nosso trabalho num determinado número de detalhes importantes, de forma a construir o nosso novo carro para o Dakar, o PEUGEOT 3008 DKR, em função da experiência obtida em competição durante esta temporada. Melhorámos, principalmente, tudo o que diz respeito à maneabilidade do carro, à facilidade de utilização do motor e às suspensões; a otimização destes parâmetros pode fazer a diferença», explica Carlos Sainz (com o seu co-piloto Lucas CRUZ).

 

«Claro que não são alterações profundas como aconteceu no ano passado, quando partimos para o Dakar 2016 com um carro completamente renovado face a 2015. Fizemos sessões de testes com o novo carro em Marrocos e em Espanha e esta participação no Rali de Marrocos é importante, na medida em que nos vai permitir confirmar este trabalho de desenvolvimento para abordar o Dakar nas melhores condições possíveis. Prevê-se uma agenda apertada até ao final do ano», acrescentou.

 

Cyril DESPRES (com o seu co-piloto David CASTERA), piloto que totaliza 5 vitórias no Dakar em duas rodas, alinhará pela primeira vez no Rali de Marrocos com um PEUGEOT 2008 DKR, prosseguindo a sua ainda curta carreira nos automóveis. Recorde-se que DESPRES obteve a sua primeira vitória nos automóveis no verão, no Silk Way Rally 2016 (Paris – Pequim), uma prova muito exigente.

 

«Não vou revelar todos os segredos do nosso novo carro mas, depois de termos regressado da América do Sul em Janeiro, os engenheiros fizeram um trabalho formidável nos bastidores. Logo nos testes sentimos os efeitos positivos das melhorias feitas nas suspensões, que garantem maior estabilidade ao carro, bem como todo o trabalho que envolve a fiabilidade do motor. O Dakar é a prova mais dura do mudo e o percurso torna-se mais exigente a cada ano, pelo que precisamos de um carro à altura das exigências e de estar em constante evolução, para nos prepararmos cada vez melhor. Isto tanto é válido para a mecânica como para o fator humano e é por isso mesmo que, depois de Marrocos, vou concentrar-me na minha preparação física. Estou ansioso por participar nesta prova em Marrocos, que tanto sucesso me deu nas motos: é um rali muito bom que vou disputar pela primeira vez em automóvel, fortemente motivado pela vitória obtida no Silk Way Rally.»  

 

Stéphane PETERHANSEl – o piloto com mais vitórias na história do Dakar – esteve, igualmente, envolvido no processo de desenvolvimento do PEUGEOT 3008 DKR com o seu co-piloto Jean Paul COTTRET.

 

«Foi uma enorme alegria ter obtido a minha 12ª vitória no Dakar deste ano com uma marca francesa com o prestígio da Peugeot. O objetivo para 2017 será, claramente, o de tentar reeditar esse sucesso, mesmo que a maior concorrência possa doravante emergir da própria equipa, tendo em conta os progressos realizados esta época pelos meus colegas do Team Peugeot Total. Estou confiante nas orientações técnicas que foram tomadas com este novo carro e muito satisfeito com o andamento do programa de testes da Peugeot. Vou seguir com muito interesse a progressão do Carlos e do Cyril no Rali de Marrocos.»

 

Um dos pilotos vedeta do Dakar em 2016 foi Sébastien lOEB (e o seu co-piloto Daniel ELENA), nove vezes Campeão do Mundo de Ralis, rubricando o maior número de vitórias em Etapas durante a primeira semana de prova. Loeb prosseguiu a sua aprendizagem em rally-raid ao longo de toda a época e cumpre, actualmente,  o programa do Team Peugeot Hansen no Campeonato do Mundo de Rallycross. O seu talento e a sua experiência de condução de alto nível foram decisivos no desenvolvimento do novo PEUGEOT 3008 DKR.

 

«Tenho, ainda e obviamente, muita coisa a aprender em matéria de rally-raids sendo que os quilómetros percorridos no Silk Way Rally foram extremamente positivos, tendo em vista o próximo Dakar. Juntando a isso os testes efetuados ao longo de todo o ano, começo a gostar realmente desta disciplina e sinto-me bastante mais à vontade. É muito interessante, pois trata-se de uma forma diferente de gerir uma prova, em longas distâncias, algo que ainda desconhecida. Juntamente com o Daniel, é na areia e nas dunas que temos de evoluir em termos de condução, pelo que durante a nossa preparação concentrámo-nos especialmente nesse tipo de terrenos.»

 

Rali de Marrocos – Percurso da prova

 

O Rali de Marrocos consiste de 5 Etapas entre Agadir e Erfoud, num total de 1 885 km. As verificações técnicas e administrativas tiveram lugar a 1 de Setembro; o Prólogo do próximo dia 2 de Outubro definirá a ordem de partida para a 1ª Etapa.

 

1ª Etapa – 3 de Outubro: 240 km ao longo da costa.

 

2ª Etapa – 4 de Outubro: Etapa Maratona de 554 km que conduzirá os concorrentes a um acampamento fechado nas dunas.

 

3ª Etapa – 5 de Outubro: 390 km na «estrada oriental».

 

4ª Etapa – 6 de Outubro: ronda em Erfoud, com 376 km

 

5ª Etapa – 7 de Outubro: «ERG Chebbi Final» ou seja, os últimos 275 km de prova.

 

Mais informações sobre o Rali de Marrocos no site oficial : http://rallyemaroc.npo.fr/

 

 

Scroll To Top