Sexta-feira , Setembro 21 2018
ÚLTIMAS
Home / RALI / O Vodafone Rally de Portugal já começou
O Vodafone Rally de Portugal já começou

O Vodafone Rally de Portugal já começou

Quinta-feira, dia 19 de Maio, marcou o arranque oficial da 50ª edição do Vodafone Rally de Portugal. A quinta ronda do campeonato do mundo teve o aperitivo para mais três dias de muita competição e espectáculo nas classificativas desenhadas pelo Automóvel Club de Portugal no norte do país.

O dia começou com as primeiras emoções, pois as equipas passaram a manhã em Baltar a efectuar os últimos testes com os carros. Nessa classificativa de teste, a Hyundai mostrou que está em Portugal para voltar a bater o pé ao domínio da Volkswagen e Thierry Neuville foi quem estabeleceu o melhor tempo no troço de 4,61 quilómetros. O belga bateu Dani Sordo, seu colega de equipa, por três décimas, enquanto Ott Tanak (Ford Fiesta WRC) ficou com o terceiro registo da sessão, a 0,4s de Neuville.

De regresso à Exponor, as equipas ultimaram os preparativos e, depois de almoço, rumaram a Guimarães. Na cidade onde nasceu Portugal, a animação foi grande. Até às 18h10, os fãs puderam pedir autógrafos aos seus pilotos favoritos e, à hora certa, os campeões nacionais, José Pedro Fontes e Inês Ponte, foram os primeiros a subir ao pódio e a arrancarem para a competição.

Esta estava reservada para as 19h01. A pista de Lousada foi o palco das primeiras emoções. Perante uma multidão de 15 mil espectadores, as equipas puseram-se à prova e, neste primeiro tira-teimas, Sébastien Ogier ditou a lei do mais forte. O campeão do mundo e líder do campeonato foi o mais rápido e tornou-se no primeiro líder da 50ª edição do Vodafone Rally de Portugal.

O francês venceu a especial com 0,9s de vantagem sobre Thierry Neuville, o segundo mais rápido. Dani Sordo foi o terceiro mais rápido, a 1,2s de Ogier. Entre os concorrentes do WRC2, Pontus Tidemand, em Skoda Fabia R5, foi o melhor e deixou o seu companheiro de equipa, Jan Kopecky, a 1,1s.

O melhor dos portugueses é Diogo Salvi, com uma vantagem de 0,7s para Miguel Campos. No JWRC, o líder é Ole Christian Veiby e no WRC3, Fabio Andolfi foi que se destacou da concorrência pela positiva.

Bernardo Sousa é já o líder do Drive Dmack Fiesta Trophy, ao ser o mais rápido na pista da Costilha, superando Fergus Greensmith por 0,5s, enquanto o terceiro, Osian Price, soma uma desvantagem de 2,5s para o piloto português.

Amanhã, o dia começa às 7h50, hora a que Sébastien Ogier sai do parque fechado. Pela frente, as equipas têm oito classificativas. As seis primeiras disputam-se no Alto Minho – Ponte de Lima, Caminha e Viana do Castelo são percorridas por duas vezes – e as últimas duas correspondem a uma dupla passagem pela Porto Street Stage.

 

Scroll To Top