Quinta-feira , Dezembro 14 2017
ÚLTIMAS
Home / MOTOS / PARKALGAR RACING TEAM PREPARA AS 12 HORAS DE PORTIMÃO
PARKALGAR RACING TEAM  PREPARA AS 12 HORAS DE PORTIMÃO

PARKALGAR RACING TEAM PREPARA AS 12 HORAS DE PORTIMÃO

 
No mesmo dia em que iniciou os testes em pista com a Yamaha R1 com que vai participar na segunda prova do campeonato do mundo de Endurance, a Parkalgar Racing Team mostrou ontem à imprensa que esteve presente no Kartódromo Internacional do Algarve as cores da moto com que Miguel Oliveira e Miguel Praia vão participar nas 12 Horas de Portimão nos próximos dias 10 e 11 de Junho. O Autódromo Internacional do Algarve irá pela primeira acolher uma prova elegível para a disciplina – que passou por Portugal em 2008 – numa estreia no circuito que será com toda a certeza um duro teste para pilotos e equipas presentes numa das mais espectaculares mas ao mesmo tempo difíceis pistas da actualidade.

Para a Parkalgar Racing Team será um regresso ás pistas para um momento bem especial na história de uma equipa que foi por duas vezes campeã do mundo de Supersport e pela qual passaram grandes nomes do motociclismo na actualidade, como Eugene Laverty ou Sam Lowes, que podemos encontrar no paddock do mundial de MotoGP e que fizeram escola na equipa algarvia com reconhecido sucesso. A estrutura liderada por Paulo Pinheiro não podia deixar de lado a oportunidade de colocar as cores dos seus patrocinadores na prova portuguesa do mundial de Endurance e juntou os dois pilotos lusos com melhor palmarés a nível internacional, Miguel Oliveira e Miguel Praia, que irão ser certamente uma mistura explosiva condimentada com a capacidade prestacional da Yamaha R1 preparada pela Yamaha Austria de acordo com o regulamento da classe raínha do campeonato do mundo.

“É talvez uma oportunidade única e sem repetição poder ter na mesma equipa o Miguel Oliveira e o Miguel Praia e vamos tentar reeditar feitos conseguidos por nomes históricos do nosso motociclismo neste campeonato, como o Alexandre Laranjeira, o Telmo Pereira ou o Felisberto Teixeira que também levaram o nome de Portugal bem alto nesta disciplina. Este campeonato conta com equipas oficiais dos quatro construtores japoneses e muito boas equipas privadas e queremos discutir com ele os melhores lugares da classificação final de uma corrida que promete ser muito dura e espectacular.” Comentou Paulo Pinheiro ainda antes da entrada em pista dos dois pilotos presentes – o terceiro será conhecido nos próximos dias – que cumpriram o primeiro de dois dias de testes com a moto a utilizar.

“Poder competir ao lado do Miguel Oliveira é uma enorme honra e satisfação para mim. Ele é um piloto fantástico e só esse facto fez com que aceitasse de imediato o desafio que o Paulo Pinheiro me propôs. Estou há já cinco meses ‘reformado’ mas nem hesitei em ir buscar de novo o capacete ao armário.” comentou Miguel Praia, actualmente monitor e instrutor na ‘Racing School’ instalada no circuito algarvio, ele que reconhece ser também o piloto com mais experiência na pista do AIA, mas que isso não fará diferença “…porque os bons pilotos rapidamente aprendem os circuitos ao fim de uma dezena de voltas ou menos.”

Para Miguel Oliveira esta participação será acima de tudo um desafio “…pois não estou habituado a este tipo de corridas, antes pelo contrário. Mas quando soube qual era a moto a utilizar aceitei de imediato porque é uma moto fantástica e gosto de desafios. Quero ao mesmo tempo proporcionar aos fãs portugueses e aos meus seguidores uma oportunidade de me verem correr numa pista onde nunca competi.” referiu ainda o vi-campeão do mundo de Moto3 e actual piloto no mundial de Moto2.

Até ao arranque da prova a equipa irá ainda realizar mais testes no traçado algarvio, ultimando os pormenores de preparação da moto e ganhando também ritmo aos comandos de uma máquina que até ao final do dia de hoje foi alvo de teste intenso por parte de ambos os portugueses, que serão os únicos lusos em pista na prova que promete animar o fim-de-semana de 10 a 12 de Junho no Algarve.

 

Scroll To Top