Sexta-feira , Outubro 19 2018
ÚLTIMAS
Home / TODO-O-TERRENO / PARQUE AUTOMÓVEL DE LUXO EM PORTALEGRE
PARQUE AUTOMÓVEL DE LUXO EM PORTALEGRE

PARQUE AUTOMÓVEL DE LUXO EM PORTALEGRE

Em ano de celebração do 30º Aniversário a Baja Portalegre 500 vai ser uma cimeira internacional de Todo-o-Terreno com a presença de alguns dos melhores pilotos mundiais e um parque automóvel de luxo. Entre os dias 26 e 28 de Outubro, a cidade alentejana volta a ser a capital mundial do TT. O Automóvel Club de Portugal organiza mais uma grande edição desta que é a última ronda da Taça do Mundo da modalidade.

O título internacional pode já estar decidido mas nem por isso a ronda portuguesa perde interesse. A delegação estrangeira é longa e cheia de qualidade, isto numa prova que tem como principal interesse a discussão do título nacional. Ricardo Porém chega a Portalegre muito motivado pois é líder do campeonato e venceu as últimas três edições da clássica alentejana. Mas o piloto da Ford Ranger sabe que não tem a vida facilitada. A começar pelos muitos adversários do campeonato nacional que tentam que o título não vá para Leiria. João Ramos, em Toyota Hilux, já mostrou que tem andamento para fazer frente ao primeiro classificado da competição interna. Alexandre Franco está em segundo no campeonato e aposta na regularidade. Alejandro Martins já venceu em 2017 e não perderá nova oportunidade de colocar a Hilux no lugar mais alto do pódio.

A juntar a estes nomes, destaque para o regresso do piloto com mais campeonatos ganhos em Portugal. Apesar de estar a competir nos ralis, Miguel Barbosa não quis faltar àquela que é a principal prova de TT em Portugal e vai competir ao volante de um Mitsubishi ASX da Wevers Sport. Também Alexandre Ré está de volta à modalidade e apetrechou-se bem. O piloto vai correr com uma Ford Ranger da South Racing.

Além das equipas portuguesas, Portalegre recebe estruturas internacionais com pergaminhos. Do Brasil chega Guilherme Spinelli. Desta vez, o piloto brasileiro recorreu aos serviços da X-Raid e vai correr com um Mini. A Rússia faz-se representar pela sempre competitiva G-Force. Liderada por Boris Gadasin, esta estrutura vai ter três carros, um deles para o muito rápido Andrey Novikov.

A forte presença internacional está patente na dezena de países distintos com pilotos inscritos em Portalegre. Além da Europa, continente mais representado, destaque, ainda, para a América do Sul, que também tem um forte contingente, em particular, do Brasil, da Argentina e do Paraguai.

 

Scroll To Top