Sábado , Outubro 21 2017
ÚLTIMAS
Home / MOTOS / Paulo Gonçalves vence 3.ª etapa no Qatar
Paulo Gonçalves vence 3.ª etapa no Qatar

Paulo Gonçalves vence 3.ª etapa no Qatar

 

Piloto português jogou com a inteligência para superar os adversários contra a nova regra de ordenamento da partida.

Paulo Gonçalves venceu hoje a terceira etapa do Sealine Cross-Country Rally, segunda jornada pontuável para a edição de 2015 do Campeonato do Mundo de Ralis Todo-o-Terreno, aproveitando a estratégia para subir ao quarto posto da tabela geral classificativa, a poucos segundos do segundo classificado.

O piloto português oficial Honda aproveitou a “jogada estratégica” da etapa anterior para hoje partir para os 401,15 quilómetros de “especial” cronometrada na perseguição aos seus mais diretos adversários, cabendo-lhe, por isso, agora a vez de recuperar tempo para a frente da corrida.

Paulo Gonçalves demorou 4h29min46s a percorrer a tirada cronometrada de hoje, sobre o deserto do Qatar, estando agora a ocupar a quarta posição com atraso de 10min33s para o líder Marc Coma, da KTM, mas a apenas 23 segundos do assalto ao segundo lugar da classificação geral.

“Foi um bom dia e uma boa ‘especial’ hoje. Parti de oitavo, o que foi uma boa posição para poder recuperar tempo aos meus adversários que partiram primeiro para a pista. Consegui também ganhar algum tempo à geral. Estou agora a dez minutos do topo da classificação geral com uma boa chance de poder escolher um bom lugar de partida dentro dos seis primeiros classificados amanhã. Estou muito satisfeito por mim e pela equipa pelo grande trabalho que estamos a fazer. Faltam apenas dois dias por isso vamos lutar pelo melhor resultado possível”, disse o português.

De partida para a quarta e penúltima etapa do Sealine Cross-Country Rally 2015, que compreenderá um total de 400,55 quilómetros de navegação cronometrada e apenas mais 6,73 por trilhos de ligação, Paulo Gonçalves passa a beneficiar da regra de ordenamento de partida para os seis primeiros classificados, sendo por isso o último dos seis a escolher a posição de saída para atacar as posições cimeiras desta segunda prova da competição mundial.

 

Scroll To Top