Sábado , Novembro 17 2018
ÚLTIMAS
Home / RALI / Paulo Neto quer aumentar competitividade e vencer nas duas rodas
Paulo Neto quer aumentar competitividade e vencer nas duas rodas

Paulo Neto quer aumentar competitividade e vencer nas duas rodas

 

Paulo Neto / Vitor Hugo encaram a terceira participação no Campeonato Nacional de Ralis, no Rali de Castelo Branco, com redobrada esperança de lutar pela vitória nas duas rodas motrizes e com um DS3 R3T mais evoluído.

 

Usando uma expressão futebolística, bem se pode dizer que as exibições de Paulo Neto / Vitor Hugo têm sido melhores que os resultados alcançados, já que a dupla do Citroen DS3 R3T tem lutado abertamente pelas vitórias nas duas provas já disputadas, sendo esse o desejo também para o Rali de Castelo Branco.

 

Esperemos que à terceira… seja de vez”, afirma Paulo Neto, explicando que “temos sido muito competitivos nas provas disputadas até agora, mas por razões técnicas acabamos por perder tempo em momentos decisivos que nos têm custado a possibilidade de, pelo menos, discutir abertamente a vitória. Foi assim em Fafe, depois em Guimarães, mas esperamos agora que em Castelo Branco não existam problemas técnicos para termos as condições ideais de lutar mesmo pela vitória“.

 

Uma das grandes novidades da Paulo Neto Sport para esta prova é o “upgrade” técnico do Citroen DS3 R3T, que recebeu o kit Max. “Um dos objetivos que tínhamos para esta temporada passava por evoluir o nosso carro. Espero que esta evolução técnica do DS3 R3T traduza na prática o aumento de competitividade que na teoria existe, permitindo desta forma ter argumentos semelhantes aos da concorrência. Num pequeno teste já realizado, podemos comprovar esse aumento de competitividade, que espero que se confirme no cronómetro. Quero ainda agradecer à Câmara Municipal de Vila Velha de Rodão, que nos proporcionou excelentes condições para a realização do mesmo” afirma Paulo Neto, concluindo que “só mesmo durante o rali é que vamos tirar a prova dos nove. Trata-se de um rali com troços muito longos e exigentes, no qual é preciso andar depressa de início ao fim, sempre com o máximo de concentração, porque acreditamos que o rali vai ser mais uma vez muito disputado e que se poderá decidir novamente nos pormenores. É uma prova que desconhecemos pois nunca a realizamos, mas que diz muito ao meu navegador, pelo que motivação não falta para atingir um bom resultado”.

 

Paulo Neto / Vitor Hugo voltam a estar ao volante do Citroen DS3 R3T preparado pela RF Competições.

 

Scroll To Top