Domingo , Novembro 19 2017
ÚLTIMAS
Home / RALI / Paulo Neto quer manter rapidez e bons resultados
Paulo Neto quer manter rapidez e bons resultados

Paulo Neto quer manter rapidez e bons resultados

O Sata Rali Açores é a próxima prova do Campeonato de Portugal de Ralis, na qual a Paulo Neto Sport volta a estar presente.

 

 

Líder do Grupo RC3 e melhor classificado absoluto do Campeonato Nacional de Ralis entre os pilotos que utilizam carros de apenas duas rodas motrizes, Paulo Neto encara a sua terceira participação no Sata Rali Açores focado na manutenção destas posições, contando para isso com um Citroen DS3 R3T que se tem mostrado fiável e competitivo, e com a dedicada preparação da RF Competições.

 

O Sata Rali dos Açores é uma prova única pela beleza da ilha e das suas especiais de classificação. A prova tem uma mediatização excelente por estar integrada no Campeonato da Europa de Ralis, competição gerida pelo canal de televisão Eurosport, sem esquecer que os órgãos de comunicação locais lhe dão um grande destaque. Este é também o maior evento que os Açores organizam anualmente com expressão a nível internacional. São razões mais do que suficientes, para além da nossa posição em termos classificativos no Nacional de Ralis, para estar presente”, comenta Paulo Neto, que tal como no Rali de Portugal irá disputar a prova correspondente ao Campeonato Nacional de Ralis, correspondente à primeira etapa da prova.

 

No entender do piloto da Paulo Neto Sport, o Sata Rali Açores é para ser encarado com “algumas cautelas, replicando nesta prova aquela que foi a nossa estratégia no Rali de Portugal. Não podemos forçar muito, pois temos que preservar a mecânica, mas sabemos que temos condições para andar nos primeiros lugares do Grupo RC3 e mesmo entre os carros de duas rodas motrizes. Manter ou reforçar as nossas posições nas classificações do Grupo RC3 e em termos absolutos no Campeonato Nacional de Ralis é o objetivo que temos para esta prova”.

 

Para terminar, Paulo Neto comenta que “voltamos a ser prejudicados com o número de partida que nos foi dado, uma situação que se repete novamente este ano. Gostava apenas que os regulamentos fossem aplicados, sendo esse o alerta que deixo aos clubes e também à FPAK”.

 

Informações da prova em: http://www.satarallyeacores.com

 

Scroll To Top