Quarta-feira , Agosto 23 2017
ÚLTIMAS
Home / RALI / PILOTOS DO JUNIOR WRC PREPARAM-SE PARA VOAR NA FINLÂNDIA
PILOTOS DO JUNIOR WRC PREPARAM-SE PARA VOAR NA FINLÂNDIA

PILOTOS DO JUNIOR WRC PREPARAM-SE PARA VOAR NA FINLÂNDIA

Na sequência da prova polaca, os concorrentes do Campeonato FIA Junior WRC partem ao ataque das especiais de ultrarápidas do Rali da Finlândia. Vencedores das duas primeiras provas do ano, Simone Tempestini e Giovanni Bernacchini terão como objetivo fazer o tri.

 

 

 

Disputado em seis ralis do continente europeu que fazem parte do Campeonato do Mundo de Ralis (WRC) da FIA, o FIA Junior WRC cumprirá meia temporada no final do Rali da Finlândia. Depois de Portugal e da Polónia, esta terceira ronda em pisos de terra ver-se-á seguida por duas provas de asfalto (Alemanha e Volta à Corsega), numa temporada que terminará no final de outubro na Grã-Bretanha.

Com a fama de ser o rali mais rápido da temporada, as especiais finlandesas são conhecidas pelos seus saltos, que impulsionam os carros em distâncias de várias dezenas de metros. O percurso não é menos variado, com seções mais ou menos técnicas através de campos e florestas nos arredores de Jyväskylä. E se os pisos são vistos como pouco demolidores, os concorrentes do JWRC ainda têm que lidar com as pedras que ficam soltas depois da passagem dos carros com tração às quatro rodas.

Presentemente, o homem forte do di FIA Junior WRC chama-se Simone Tempestini, piloto italiano que ultrapassou incolume pelas armadilhas das duas primeiras provas, assegurando a pontuação máxima de 50 pontos. Tal como afirmou no final do Rali da Polónia, ele pretende dar continuidade a este seu ímpeto, de modo a poder abordar as provas de asfalto com maior serenidade. No entanto, nada se ganha com antecedência e o piloto sabe-o muito bem, pois terminou fora da estrada este rali no ano passado…

Também autor de duas provas inteligentes, Terry Folb é o mais próximo adversário do piltoto transalpino. Com um 3º lugar em Portugal e um 2º na Polónia, o francês deve, no entanto, aumentar a parada se quiser apontar a uma vitória. Por outro lado, Ole Christian Veiby – atual 3º classificado – foi forçado a perder preciosos pontos apesar de demonstrar um nível de performance muito elevado. No pódio na Finlândia no ano passado, o norueguês visará, agora, a vitória.

Premiado pelo título alcançado no ano passado no Citroen Racing Trophy France, com um programa no FIA Junior WRC, Vincent Dubert neste momento não sonha tão alto. Presente num rali que já correu em 2012, o marselhês tentará chegar rmais perto do ritmo dos líderes. Objectivo semelhante terá Romain Martel, que descobre as especificidades das provas do mundial de ralis.

Segundo classificado em Portugal, Martin Koci viu-se forçado a abandonar na Polônia, após uma saída de estrada logo no shakedown. Para recuperar as suas ambições ao título, o piloto checo deve contar com o apoio dos deuses para travar a senda de Tempestini. Presente no pelotão da Polónia, Mohamed Al Mutawaa quer confirmar a sua ascensão com um resultado mais conclusivo, depois de, no ano passado, o piloto apoiado pela Abu Dhabi Racing ter terminou o rali dos 1000 Lagos na 6ª posição.

Já os azarados Lukas Pieniazek e Andrea Crugnola vão querer recuperar as suas temporadas na Finlândia. Há que prestar particular atenção ao italiano, que chegou a liderar na Polónia antes de ser retardado por uma cascata de problemas. A lista de inscritos finlandesa fica completa com um piloto finlandês, da AKK Sports Ltd., na sua operação «The Future star». É ele Juuso Nordgren, com apenas 19 anos, tendo sido escolhido pelas suas prestações no Campeonato da Finlândia de Ralis. Como parte de sua dote, Nordgren terá um DS 3 R3 – MAX e o apoio de um orçamento muito completo (assistência, pneus Michelin, combustível, inscrição, testes pré-prova, coaching e relações com a imprensa).

O Rali da Finlândia sai para a estrada nesta quinta-feira (28 de julho) com uma SuperEspecial desenhada em Jyväskylä. De sexta-feira a domingo serão três as longas etapas que totalizam 333 km de especiais, a percorrer pelos concorrentes do FIA Junior WRC.

QUATRO DS 3 R5 DO CAMPEONATO WRC2 À PARTIDA

Entre as vinte equipes inscritas na categoria WRC2, quatro irão alinhar aos comandos de DS 3 R5. Campeão do FIA Junior WRC do ano passado, Quentin Gilbert e Renaud Jamoul vão participar na sua quinta prova da temporada ao volante de um carro preparado pela DG Sport. Yoann Bonato/Denis Giraudet, Emil Bergkvist/Joakim Sjöberg e Pierre-Louis Loubet/Vincent Landais continuam, também eles, as suas temporadas na Finlândia.

 

Scroll To Top