Quinta-feira , Setembro 20 2018
ÚLTIMAS
Home / VELOCIDADE / Portugueses sempre a recuperar no Europeu de Karting
Portugueses sempre a recuperar no Europeu de Karting

Portugueses sempre a recuperar no Europeu de Karting

Os três portugueses envolvidos no Campeonato da Europa de Karting tiveram comportamento semelhante, já que todos eles foram ganhando lugares nas corridas em que tomaram parte. Na corrida da Categoria OK, que encerrou o programa, Andriy Pits (CRG/Parilla/Vega) partiu de 13.º, chegou a ser 11.º, mas na derradeira volta perdeu uma posição, enquanto Tomas Mota (Tony Kart/Vortex/Vega), que largou de 24.º, ganhou nove lugares, e terminou em 15.º, depois de intensos duelos, no grupo em que estava envolvido.

A corrida foi ganha pelo inglês Tom Joyner (Zanardi/Parilla/Vega) que assumiu o comando na quarta volta, para passar as restantes 16 a resistir aos ataques do seu compatriota Ben Hanley (Croc Promotions/TM Racing/Vega), o único segundo classificado que ficou a menos de um segundo de vencedor. O espanhol Pedro Hiltbrand (CRG/Parilla/Vega) completou o pódio, à frente da sua compatriota Marta Lopez (Evokart/Parilla/Vega) que, na final, não confirnou a superioridade patenteada nos dias anteriores. Com uma corrida de trás para a frente, Simão Ventura (Exprit/Vogue Vega) ganhou sete lugares ao longo da corrida da Categoria Academy, tendo começado por ganhar uma posição por voltas, nas quatro primeiras, o que o levou do 21.º lugar da grelha ao 18.º na corrida, para ganhar mais três posições, duas voltas mais tarde.

O piloto português manteve-se na luta num grupo compacto, chegou a descer para 17.º, mas, na derradeira volta, ganhou três posições e terminou em 14.º. A corrida foi ganha pelo belga Xavier Handsaeme (Exprit/Vogue Vega) que levou a melhor no duelo com o inglês Callum Bradshaw (Exprit/Vogue Vega), que conserva o comando do campeonato, depois do lituano Kasparas Vaskelis (Exprit/Vogue Vega), que completou o pódio, ter comandado nas primeiras seis voltas. A partir daí o belga, que dominou a categoria ao longo do fim-de-semana, “fugiu” aos seus perseguidores, com o lituano a não resistir ao ataque final do inglês. Comunicado Imprensa O francês Victor Martins (Kosmic/Parilla/Vega) venceu, sem grande dificuldade, a corrida reservada à Categoria Junior ao aproveitar da melhor maneira as lutas que se foram travando atrás de si e que lhe permitiram ir ganhando terreno aos seus adversários.

Bela prova do brasileiro Caio Collet (Birel Art/Parilla/Vega) que, largou de 11.º, mas que, após uma recuperação notável, conseguiu chegar ao segundo lugar, com o malaio Mizzuddin Musyaffa (DR/TM Racing/Vega) a completar o pódio, ao bater, por escassa margem o norueguês Dennis Hauger (CRG/Parilla/Vega) e o marroquino Sami Taoufik (FA Kart/Vortex/Vega)

Classificações Corridas OK – 1.º, Tom Joyner (Zanardi/Parilla/Vega), 20 voltas; 2.º, Ben Hanley (Croc Promotions/TM Racing/Vega), a 0,486”; 3.º, Pedro Hiltbrand (CRG/Parilla/Vega), a 1,469”; 4.º, Marta Lopez (Evokart/Parilla/Vega), a 1,739”; 5.º, Alexander Smolyar (Tony Kart/Vortex/Vega), a 3,201”; …; 12.º, Andriy Pits (CRG/Parilla/Vega), a 8,445”; …; 15.º, Tomas Mota (Tony Kart/Vortex/Vega), a 14,033”. Classificaram-se mais seis pilotos

Academy – 1.º, Xavier Handsaeme (Exprit/Vortex/Vega), 17 voltas; 2.º, Callum Bradshaw (Exprit/Vortex/Vega), a 3,237”; 3.º, Kasparas Vaskelis (Esprit/Vortex/Vega), a 3,539”; 4.º, Ruben Sabater (Esprit/Vortex/Vega), a 3,951”; 5.º, Alfred Nilsson (Exprit/Vortex/Veja), a 4,557”;…; 14.º, Simão Ventura (Exprit(Vortex/Veja), a 16,045”. Classificaram-se mais 11 pilotos. Junior – 1º. Victor Martins (Kosmic/Parilla/Vega), 17 voltas; 2.º, Caio Collet (Birel Art/Parilla/Vega), a 7,152”; 3.º, Mizzuddin Musyaffa (DR/TM Racing/Vega), a 7,184”; 4.º, Dennis Hauger (CRG/Parilla/Vega), a 7,549”; 5.º, Sami Taoufik (FA Kart/Vortex/Vega), a 7,743”. Classificaram-se mais 27

pilotos Campeonatos OK – 1.º, Tom Joyner, 108 pontos; 2.º, Karol Basz, 101; 3.º, Pedro Hiltbrand, 95; 4.º, Marta Lopez, 84; 5.º, Logan Sargeant, 79

Academy – 1.º, Callum Bradshaw, 64 pontos; 2.º, Xavier Handsaeme, 35; 3.º, Mads Hansen, 33; 4.º, Oliver Clarke, 30; 5.º, Alfred Nilsson, 28. Junior – 1.º, Noah Watt, 107 pontos; 2.º, Caio Collet, 91; 3.º, Isac Blomqvist, 90; 4.º, Finlay Kenneally, 86; 5.º, Dennis Hauger, 81

 

Scroll To Top