Terça-feira , Outubro 16 2018
ÚLTIMAS
Home / RALI / Problema electrónico dita atraso a Paulo Neto
Problema electrónico dita atraso a Paulo Neto

Problema electrónico dita atraso a Paulo Neto

 

Quando lideravam a classificação das duas rodas motrizes no Rali Vinho Madeira, Paulo Neto / Vitor Hugo desceram ao terceiro lugar, depois de problemas electrónicos voltarem a afetar de novo o Citroen DS3 R3T Max.

 

Durante as primeiras sete especiais de classificação do Rali Vinho Madeira, Paulo neto / Vitor Hugo estavam a cumprir à risca os objetivos que traziam para a esta prova, liderando de forma destaca as duas rodas motrizes nesta prova. Porém, em Terreiro da Luta 1 o problema que tem afectado constantemente o DS3 R3T Max esta época voltou a manifestar-se, levando a dupla da Paulo Neto Sport a descer ao 3º lugar em que terminou a primeira etapa.

 

Entramos muito bem no rali, muito concentrados e com um ritmo muito forte, que nos permitiu assumir a liderança nas duas rodas motrizes, que conseguimos cimentar até à sétima especial de classificação. Porém, na 8ª especial notamos que o motor do Citroen DS3 R3T Max começou a falhar para a meio do troço parar. O problema electrónico que já afetou o carro em diversos provas este ano voltou a manifestar-se, levando-nos a perder cerca de 1m30s”, afirma Paulo Neto, dizendo que “quase caiu por terra todo o esforço que tínhamos feito. Porém, conseguimos colocar o motor de novo a trabalhar e prosseguir em prova, mas nas derradeiras classificativas estava muito desconcentrado e como eram disputadas à noite não conseguimos recuperar o tempo que desejávamos. Mesmo assim, temos pelo menos em vista recuperar o segundo lugar, passando o nosso principal adversário na luta pelo Nacional de duas rodas motrizes, pelo que vamos continuar a atacar desde o início da segunda etapa“.

 

Refira-se que são disputadas mais 8 classificativas na segunda etapa do Rali Vinho Madeira, prova que termina por volta das 18 horas (dia 1 de agosto) no Funchal.

 

 

Scroll To Top