Segunda-feira , Outubro 22 2018
ÚLTIMAS
Home / RALI / Rally de Portugal Histórico revive provas dos anos 70 e 80
Rally de Portugal Histórico revive provas dos anos 70 e 80

Rally de Portugal Histórico revive provas dos anos 70 e 80

Miki Biasion e Stig Blomqvist em Lancia Delta Integrale e Audi Quattro regressam aos antigos troços do Rally de Portugal. Lousada estreia Especial e passagem por Fafe na edição deste ano.

A 13ª edição do Rally de Portugal Histórico, uma das mais exigentes provas de regularidade histórica da Europa, vai para a estrada entre 2 e 6 de outubro. Este ano, com nomes de peso: Miki Biasion e Stig Blomqvist ao volante de um Lancia Delta Integrale e de um Audi Quattro. Pilotos e máquinas que marcaram a história dos ralis e que regressam aos troços do Rally de Portugal dos anos 70 e 80.

A passagem noturna pelos troços de Sintra, a 5 de outubro, vai ser aberta por Miki Biasion, bi-Campeão do Mundo e vencedor de três edições do Rally de Portugal, e o Campeão do Mundo Stig Blomqvist que vão rodar aos comandos de um Lancia Delta e de um Audi Quattro, respetivamente. No dia seguinte, os dois pilotos alinham também no Slalom do Autódromo do Estoril perante os milhares de adeptos esperados naquele circuito.

Outra novidade desta edição é a especial de Lousada, onde se realiza a Prova de Regularidade por Setores, no Euro Circuito, seguida de uma assistência em Fafe.

Mas a prova tem muito mais atrativos, já que este ano se insere no programa do Estoril Classics Week. Depois da tradicional partida dos Jardins do Casino Estoril rumo à Figueira da Foz, a segunda etapa leva as 87 equipas em competição no rally a Braga, junto à Câmara Municipal.

Ao terceiro dia, o pelotão passa por Lamego para mais uma especial na Rampa da Nossa Senhora dos Remédios e termina com o Controlo Horário junto à Câmara Municipal de Viseu. Sexta-feira é dia de as equipas rumarem aos Jardins do Casino Estoril, onde chegam de madrugada, depois de várias classificativas como a Rampa de Montalto, o Kartódromo dos Milagres e a noite de Sintra, sempre repleta de milhares de fãs. A prova termina no sábado, dia 6, com outra estreia: o regresso do Slalom do Autódromo do Estoril ao Rally de Portugal, etapa marcante nas edições dos anos 70 e 80.

Na edição de 2018 participam 87 equipas de 13 nacionalidades com carros fabricados entre 1946 e 1985. Cumprem quase dois mil quilómetros, 600 dos quais em regularidade, organizados em quatro etapas com mais de 40 especiais e que atravessam 78 concelhos do País.

Programa:
1 de outubro:
Verificações administrativas no Hotel Palácio no Estoril
2 de outubro:
Verificações técnicas no Circuito do Estoril
Arranque da Prova nos Jardins do Casino do Estoril (13h30)
Chegada à Figueira da Foz à Avenida 25 de Abril (19h30)
3 de outubro:
Partida da Figueira da Foz (08h00)
Circuito de Lousada (15h15)
Serviço de Assistência em Fafe (17h15)
Chegada a Braga à Camara Municipal (18h45)
4 de outubro:
Partida de Braga da Camara Municipal (08h00)
Chegada a Viseu à Camara Municipal (19h05)
Flexi Service junto ao Hotel Montebelo (22h30)
5 de outubro:
Partida de Viseu do Hotel Montebelo (08h00)
Regularidade por Sectores no kartodromo de Leira (19h15)
Dupla passagem pela Lagoa Azul / Peninha (23h55)
6 de outubro:
Chegada aos Jardins do Casino do Estoril (01h50)
Slalom no Circuito do Estoril (10h10 às 12h40)
Exibição Slalom no Circuito do Estoril (15h05 às 15h35)
Distribuição de Prémios no Casino do Estoril (20h00)

 

Scroll To Top