Quinta-feira , Novembro 15 2018
ÚLTIMAS
Home / TODO-O-TERRENO / Rómulo Branco na grande final mundial
Rómulo Branco na grande final mundial

Rómulo Branco na grande final mundial

Piloto luso angolano apostado em subir ao pódio

O piloto luso angolano Rómulo Branco vai participar de 30 de Outubro a 1 de Novembro na Baja 500 Portalegre, a derradeira jornada da Taça do Mundo de Todo-o-Terreno e também do Campeonato de Portugal da modalidade, a competição que elegeu como sua aposta desportiva para esta temporada de 2014 e onde ocupa o 3º lugar.

A Baja 500 Portalegre é uma prova mítica, a mais antiga competição portuguesa da modalidade, que se realiza ininterruptamente desde 1987. Para Rómulo Branco, que se irá apresentar aos comandos de uma Toyota Hilux e acompanhado pelo seu habitual navegador João Serôdio, esta será uma jornada extremamente importante.

No ano em que se estreou aos comandos de uma máquina da classe rainha do TT e a disputar corridas onde participava pela primeira vez, Rómulo Branco subiu ao pódio em quatro das cinco corridas já disputadas, pelo que quererá seguramente voltar a fazê-lo em Portalegre, no âmbito da competição nacional, embora nesta jornada organizada pelo ACP a concorrência seja claramente mais forte do que na restante temporada.

Mas a Baja 500 Portalegre marca também o regresso de Rómulo Branco a uma etapa Mundial de TT. No ano passado o piloto luso angolano discutiu, na prova alentejana, o título mundial T2, de onde saiu com o título de vice-campeão. Este ano, foi na prova italiana de abertura do mundial que Rómulo Branco se estreou aos comandos da sua nova máquina, a Toyota Hilux, com a qual arrancou, na altura, um lugar no Top 10. Uma prestação excelente tendo em conta a enorme diferença entre pilotar uma máquina T2, muito próxima de um TT de série e um T1, um todo-o-terreno concebido para competição.

A Baja 500 Portalegre, que irá receber alguns dos melhores pilotos mundiais da atualidade e vários com máquinas idênticas à do piloto luso angolano, permitirá ainda a Rómulo Branco ficar com uma noção mais exata da sua evolução nesta sua primeira temporada em que se apresentou aos comandos de um T1.

“A Baja de Portalegre é o grande momento da temporada. É uma prova excelente que se apresenta sempre com uma moldura humana espetacular e onde se juntam os melhores pilotos de Portugal e do TT mundial”, salienta o piloto luso angolano Rómulo Branco que acrescenta:

“Vamos para esta Baja 500 Portalegre apostados, como sempre, em dar o nosso melhor, em fazer uma prova isenta de erros, não deixando de imprimir um andamento forte que nos permita lutar por um dos lugares de pódio em termos de Campeonato de Portugal. Por outro lado, esta prova vai-nos permitir avaliar evolução que tivemos com esta nova máquina desde a Baja Itália e dar-nos indicações mais precisas quanto a um eventual regresso às competições mundiais da modalidade” refere Rómulo Branco.

A Baja 500 Portalegre inicia-se com as verificações documentais e técnicas que terão lugar na 5ª feira, dia 30 de Outubro. No dia seguinte terá lugar a primeira etapa, com a realização da super especial prólogo. No Sábado, primeiro dia de Novembro, os concorrentes irão enfrentar uma etapa com partida e chegada a Portalegre, composta por dois troços cronometrados distintos com 200,41 e 212,61 quilómetros, respetivamente.

Mais informações sobre a prova emwww.bajaportalegre500.com

 

Scroll To Top