Terça-feira , Outubro 16 2018
ÚLTIMAS
Home / MOTOS / Segundo lugar no Estoril confirma candidatura ao título nacional
Segundo lugar no Estoril confirma candidatura ao título nacional

Segundo lugar no Estoril confirma candidatura ao título nacional

Mesmo sem muito tempo de habituação à nova Yamaha R1 Ivo Lopes e o Team ENI / Motor 7 / Pequeno Motos alcançaram ontem no circuito do Estoril uma brilhante segunda posição naquela que foi a sua estreia na classe maior da velocidade portuguesa.

No final de uma jornada de abertura de época que já se adivinhava exigente Ivo Lopes colocou a moto com as cores da ENI na posição intermédia de pódio depois de ter discutido a vitória na prova mais importante do dia de arranque do campeonato e que começou de forma inesperada logo nos treinos.

“O tempo estava bastante incerto e a moto era completamente nova para mim! No Sábado saímos para a pista logo de manhã para os primeiros treinos privados, mas não cheguei a completar uma volta, na entrada da meta caí pois a pista estava muito molhada devido à chuva, o que me complicou na adaptação à moto, já que nunca tinha rodado com esta nova R1 pronta para corrida!”

Na qualificação Ivo Lopes conseguiu o 10º tempo, mas assim que foi dada ordem de partida para as 17 voltas aos 4.182 metros do circuito do Estoril, rapidamente o piloto da Amadora escalou na classificação e na segunda passagem pela meta era líder, posição que segurou por duas voltas, perdendo na quarta passagem o posto de liderança que voltou a assumir na oitava passagem pela meta numa fase em que a luta pela primeira posição estava intensa. A Yamaha da Motor 7 ainda esteve de novo na frente na 11ª passagem, mas um pequeno erro condicionou o final de corrida e Ivo Lopes fechou a estreia na classe maior com um brilhante segundo lugar final.

Na corrida a pista estava quase seca, porém, tinha 3 curvas com água. Arranquei bem e tentei chegar o mais rápido possível à frente da corrida e objectivo que alcancei na terceira volta. Mais para o fim da prova tive um imprevisto e consegui terminar em 2º, mas mesmo assim estou super contente pois trabalhei juntamente com a equipa e tendo feito apenas 20 voltas com esta moto antes da corrida, o resultado foi excelente!” referiu o campeão nacional Superstock 600 no final de mais um recital de condução que o coloca na linha da frente para a discussão do título nacional 2017. A equipa vai agora preparar a segunda ronda do campeonato onde Ivo Lopes quer subir ao degrau mais alto do pódio.

A equipa conta também com os apoios da FMP, Nexx Helmets, Motojornal, Motoval, Motoni, Sidi, Interphone, Cofidis, Lacomoto, Xpectacular, Oneundret Racing School, AIA Motor Clube, Motor Clube do Estoril, JR Dias, Vitarte Publicidade, Multimoto, Barracuda, Ohlins e Renthal.

 

Scroll To Top