Domingo , Agosto 19 2018
ÚLTIMAS
Home / RALLYCROSS / Sérgio Bandeira vence entre os kartcross em Mação (por Rodrigo Vasconcelos)
Sérgio Bandeira vence entre os kartcross em Mação (por Rodrigo Vasconcelos)

Sérgio Bandeira vence entre os kartcross em Mação (por Rodrigo Vasconcelos)

Foram 23 os pilotos presentes, no Kartcross de Mação, prova que se disputou no passado fim-de-semana. Entre eles estreias e regressos, o que promete a continuação de boas listas, nas próximas jornadas.

 

 

Na primeira qualificação, o mais rápido após as três séries, foi Nuno Godinho, seguido de Mário Rato e de Sérgio Bandeira. Nuno Bastos foi quarto, seguido de Jorge Francisco e do Campeão em título, Pedro Rosário. O top 10 ficou completo, com José Mota, José Luís Pereira, Pedro Rabaço, Daniel Rocha e José Carlos Pinheiro.
Os três primeiros, seriam os detentores das pole-positions nas séries da segunda qualificação.
Ver classificação

Rato, na segunda
Segunda qualificação, com a vitória a sorrir a Mário Rato. Sérgio Bandeira foi segundo, com Jorge Francisco no posto seguinte. Depois, apareciam Nuno Bastos,Pedro Rosário, José Carlos Pinheiro, José Luís Pereira, Tiago Freitas, José Mota e Luís Almeida.
Começavam a definir-se os lugares para a Final, mas um qualquer azar na terceira qualificação, poderia fazer o piloto perder muitas posições na grelha da derradeira corrida.
Ver classificação

A vez de Rosário
Na terceira qualificação, Pedro Rosário mostrou os galões de Campeão e venceu. Nuno Bastos foi segundo, com Sérgio Bandeira no lugar seguinte. Seguiram-se Nuno Godinho, Mário Rato, Jorge Francisco, José Mota, Luís Almeida, Nelson Rocha e Artur Monteiro. Ver classificação.
Terminada a corrida, estavam 20 pilotos apurados para a final, cuja grelha de partida tinha Mário Rato na pole. Rato, o vencedor da jornada de Lousada. Ao seu lado estavam Sérgio bandeira e Nuno Bastos. Pedro Rosário e Jorge Francisco na linha seguinte. Nuno Godinho, José Mota e Artur Monteiro formavam a terceira linha, seguidos de José Carlos Pinheiro e Luís Almeida. Ver classificação.

Bandeira vence final bem disputada
Já com o piso menos molhado, disputou-se a final do Kartcross, com 19 pilotos, pois Daniel Rocha não alinhou. De fora, ficaram Hélder Marques, João Moutinho e Rui Nunes.
Partida, quase a ser dada, mas com o procedimento a ser anulado, devido a um princípio de incêndio no Kartcross de Jorge Francisco. O Kartcross foi assistido, resolvida a situação e dada, de seguida a partida. Alguma confusão, pois pensava-se que Jorge Francisco não seria autorizado a partir, face a ter recebido assistência na grelha de partida.
Quem melhor arranca é Sérgio Bandeira, que fica na liderança, seguido por Mário Rato, Nuno Bastos, Nuno Godinho, Jorge Francisco, Pedro Rosário, Artur Monteiro e José Mota lado a lado, José Carlos Pinheiro e Tiago Freitas. Foi esta a ordem de passagem pela primeira curva do circuito. Logo a seguir, há uma “embrulhada” que atingiu vários pilotos, e lhes fez perder tempo. Por lá ficaram José Mota e Mauro Reis. Perderam muito tempo, José Carlos Pinheiro, Tiago Freitas e José Luís Pereira.
Segunda volta, com Bandeira na frente, seguido de Rato e de Bastos. Nuno Godinho é quarto, com Rosário no lugar seguinte. Em último passam Pinheiro, Pereira e Freitas.
Na quarta volta, os lugares da frente mantêm-se, com Jorge Francisco a passar em quinto.
Nas voltas seguintes, Rosário e Francisco sobrepõem-se a Nuno Godinho.
Pela meta, na última volta, passam pela ordem referida, com exceção de Mário Rato, que perdeu quatro posições, caindo para sexto. Após a final, o Colégio de Comissários Desportivos, viria a ditar a exclusão de Rato na final, devido alguns toques, que aconteceram na final.
Atrás de Godinho, classificou-se Luís Almeida, seguido de Pedro Rabaço, Pedro Palma, João Matias, o estreante Jorge Gonzaga, Artur Monteiro, Hélder Almeida, José Luís Pereira, José Carlos Pinheiro e Tiago Freitas. Todos na volta do vencedor.
Ver classificação final.

 

Scroll To Top