Segunda-feira , Outubro 23 2017
ÚLTIMAS
Home / RALI / Viaturas a caminho do RVM
Viaturas a caminho do RVM

Viaturas a caminho do RVM

Até os pilotos e, em particular, as viaturas chegarem à Madeira, ainda há muito caminho a percorrer e começa tudo com a devida antecedência, com as equipas a deixarem as suas terras de origem com tempo.

Por exemplo, Giandomenico Basso saiu esta quarta-feira de Itália, por terra, com a sua comitiva, que inclui um camião de 12 metros, onde vem a viatura, o Hyundai R5. Feitas as contas, Basso e a sua equipa deverão chegar a Lisboa na sexta-feira, 28 de julho, para embarcarem no Funchalense 5, que vai trazer, numa só viagem, as viaturas dos pilotos nacionais e internacionais, participantes na 58.ª edição do RVM.

A maior parte das equipas continentais prefere embarcar no Porto de Leixões. O embarque no Funchalense 5 no Porto acontecerá sexta de manhã, sendo que depois prossegue viagem para Lisboa. No sábado de manhã, embarcam as equipas que optaram pela capital. A viagem prossegue, depois, para a Madeira, estando a chegada ao Porto do Caniçal prevista para segunda-feira, 31 de julho.

Stefan Göttig também já se encontra a caminho de Lisboa. Saiu terça-feira rumo à capital portuguesa para também fazer o embarque, no sábado de manhã, do seu camião de 10 metros, onde transporta o Skoda Fabia R5 e todo o equipamento associado.

Carros com assistência da RMC chegam mais cedo

mnunes.jpgFoto Facebook Miguel Nunes

Quem aproveitou a possibilidade de antecipar o transporte, foram os irmãos Miguel e António Nunes, o espanhol Cristobal Garcia e o argentino Juan Carlos Alonso. As viaturas, que terão assistência da RMC, vêm a bordo do Laura S, que saiu na terça-feira à tarde, de Lisboa.

O desembarque é feito esta sexta-feira, no Porto do Caniçal.

mnunes2.jpgFoto Facebook Miguel Nunes

 

Scroll To Top