Terça-feira , Outubro 26 2021
ÚLTIMAS
Home / RALI / Furo trama Ostberg, Nikolay tira proveito
Furo trama Ostberg, Nikolay tira proveito

Furo trama Ostberg, Nikolay tira proveito

Disputado na região fronteiriça da Hungria do Norte, o Therwoolin Boldogkő, prova inaugural do bem apetrechado Campeonato húngaro de Ralis, foi um misto de espetáculo desportivo, incerto e com um desfecho totalmente inesperado.
Com Mads Østberg (Citroen C3 Rally2), Jan Kopecky (Skoda Fabia Rally2 evo) e Nikolay Gryazin (VW Polo GTI R5) a reunirem todo o favoritismo no que a luta pela vitória dizia respeito, o piloto da Rep. Checa acabou por ser o primeiro a ficar de fora dessa “corrida”, com um dos diferenciais do carro da Topp-Cars a ceder na quarta especial.
Trocando várias vezes entre si a liderança da prova e mesmo com uma penalização de 10 seg., à entrada da antepenúltima especial o piloto do VW tinha apenas 6 décimas de desvantagem sobre o norueguês da Citroen, aumentando para 15,7 na especial seguinte, quando o seu rival russo sofreu um furo no carro da Racing 21. Mas um autêntico balde de água fria viria a cair sobre o campeão em título na WRC2, pois no derradeiro troço um furo vir-lhe-ia a custar a perda de quase dois minutos, caindo ingloriamente para a quinta posição final.
Mesmo penalizado com mais trinta segundos por ter tocado ou evitado chicanes ao longo da especial, Nikolay consegui levar de vencida aquele rali, com 10,5 seg. de vantagem sobre András Hadik, o melhor entre os pilotos magiares a bordo de Ford Fiesta Rally2 e o vencedor no FIA Central European Zone.
Se durante a prova Hadrik viu-se e desejou-se para acompanhar o ritmo do seu compatriota Ádám Velenczei Ádám, este ultimo na tentativa de recuperar um acumular de 40 seg. em penalizações (toques em chicanes) viria a se despistar com o seu Skoda Fabia Rally2 evo na derradeira especial, permitindo que Turán Frigyes (vice-campeão 2018 e em 2020) ocupasse o ultimo lugar do pódio, com o habitual VW Polo GTI R5 da sua própria estrutura.
Classificação final:
1. Gryazin Nikolay – Aleksandrov K. 58:26.9
Volkswagen Polo GTI R5
2. Hadik András – Kertész Krisztián +10.5
Ford Fiesta Rally2 (1.º CEZ)
3. Turán Frigyes – Bagaméri László +18.7
Volkswagen Polo GTI R5 (2.º CEZ)
4. Csomós Miklós – Nagy Attila +1:04.3
Skoda Fabia R5
5. Ostberg Mads – Eriksen Torstein +1:07.8
Citroën C3 Rally2 (3.º CEZ)
6. Klausz Kristóf – Csányi Botond +1:50.0
Skoda Fabia Rally2 evo (4.º CEZ)
7. Német László – Tóth Imre +2:34.3
Citroën C3 Rally2
8. Sasa – Ollé Rebeka +3:14.8
Skoda Fabia R5
9. Bodolai László – Deák Attila +3:28.1
Ford Fiesta Rally2 (5.º CEZ)
10. Osváth Péter – Papp Tamás +3:28.2
Skoda Fabia Rally2 evo
11. Trencsényi József – Verba Gábor +4:14.1
Skoda Fabia R5 (6.º CEZ)
12. Tóth Tibor – Szabó József +4:17.2
Skoda Fabia Rally2 evo
13. Lovász Pál – Répás Zoltán +4:34.8
Hyundai i20 R5
14. Érdi jun. Tibor – Csoko Zoltán +4:45.1
Mitsubishi Lancer Evo X (1.º Produção)
15. Bacsa Tamás – Hanyik Gergely +4:53.7
Mitsubishi Lancer Evo IX R4 (1.º P14)
16. Puskádi János – Gódor Barnabás +4:53.9
Skoda Fabia Rally2 evo (7.º CEZ)
17. Nagy Mátyás – Nagy Tamás +6:40.5
Mitsubishi Lancer Evo X (2.º Produção)
18. Kurtos Róbert – Fridrik Gergo +6:59.1
Mitsubishi Lancer Evo IX (3.º Produção)
19. Hangodi Bendegúz – Bunkoczi László +7:18.2
Peugeot 208 Rally4 (1.º RC4 / 1.º Peugeot 208 Cup)
20. Fekete László jun. – Begala Tamás +7:51.2
Ford Fiesta Rally4 (2.º RC4/2.º 2RM)
CARLOS DA SILVA
Photo Credits © Copyrights Gergely Makai / MGR Images

&nbsp

Scroll To Top
Posting....