Segunda-feira , Novembro 30 2020
ÚLTIMAS
Home / RALLYCROSS / A sorte continuou arredada de Joaquim Machado
A sorte continuou arredada de Joaquim Machado

A sorte continuou arredada de Joaquim Machado

O Ralicross de Sever do Vouga 2, marcou o final do Campeonato Nacional da modalidade.

E marcou, também, mais uma jornada em que a sorte pouco, ou mesmo nada quis, com Joaquim Machado e o Peugeot 206 S1600.

Durante as Corridas de Qualificação, foram três os azares que aconteceram. Uma transmissão partida, uma rótula da direção que também não quis colaborar e, como se ainda não chegasse, problemas graves de embraiagem.

Três azares, em três Qualificações, marcaram a parte da tarde de sábado e a manhã de domingo. Valeu a intervenção da equipa Kaxa E Motor, para as rápidas resoluções dos problemas.

Na única Corrida de Qualificação em que a “malapata” não bateu à porta do Peugeot 206 S1600, Joaquim Machado pilotou o carro até um segundo lugar na corrida, com um tempo muito próximo do vencedor. Provou que, em condições normais, poderia lutar pela vitória.

Com todos estes azares, foi “atirado” para a segunda linha da grelha de partida da final. Uma posição nada cómoda, face à fortíssima competitividade que existe na Categoria Super 1600. A prova-lo, o facto das voltas mais rápidas dos pilotos da final, “caberem” todas dentro de 7 décimos de segundo. Na final, terminou na quarta posição.

Agora, a aposta vai ser feita na Taça Nacional de Ralicross, uma prova que pretende encerrar em festa a temporada de Ralicross, que se disputa no Eurocircuito de Lousada, já nos dias 15 e 16 deste mês de outubro.

 

 

Scroll To Top