Segunda-feira , Maio 27 2019
ÚLTIMAS
Home / VELOCIDADE / Algarve Classic Festival volta a impor-se como referência no desporto motorizado clássico
Algarve Classic Festival volta a impor-se como referência no desporto motorizado clássico

Algarve Classic Festival volta a impor-se como referência no desporto motorizado clássico

 

A edição de 2018 do Algarve Classic Festival terminou com mais um conjunto de excelentes corridas e com grandes carros em pista, que ajudaram a consolidar o seu espaço na Europa e a impor-se como uma referência como evento de desporto motorizado clássico.

Como foi hábito ao longo dos três dias da maior manifestação desportiva de automóveis clássicos do sul da Europa, foram as motas que deram início às hostilidades, com a segunda corrida das The Lansdowne & GP Originals. Depois do domínio das Yamaha, na corrida dominical foi a Waddon Rotax 1983 a impor-se pelas mãos de Gary Vines. A marca nipónica, ainda assim, teve presença no pódio, através da TZ de Phil Atkinson, ficando a Norton Manx de Duncan Fitchett no degrau mais baixo.

O programa prosseguiu com uma intensa prova do CSS Group 1, assistindo-se a um duelo entre os Ford Escort de Fernando Gaspar e Fernando Soares. O Campeão Nacional de Grupo 1 de 1981 acabaria por levar a melhor, sendo acompanhado na subida ao pódio por Soares e Afonso Cidrais, em Volkswagen Scirocco.

Na prova da tarde, que fechou o programa, Ricardo Pereira, em Fernando Escort RS2000, aproveitou os problemas de Fernando Mayer Gaspar e Filipe Martins para triunfar, batendo Luís Sousa Ribeiro, Jaguar XJS.

Depois dos Turismos, subiram ao palco os GT e protótipos – GT & Sports Car Cup GT Pre-1966 – tendo Chris Chiles Jr / Simon Garrad levado a melhor, em AC Cobra, frente ao carro semelhante de Leo Voyazides / Simon Hadfield e ao Lotus Elan Shapecraft de Andrew Garside / Andy Newall.

Um dos momentos mais esperados era entrada em pista dos Fórmula 1 que fizeram história até 1966. Depois do triunfo de ontem de Miles Griffith, em Lotus 16, hoje coube a Peter Horsman impor o seu Lotus 18/21, sendo acompanhado ao pódio por Tom Dark, Cooper T51, e Chris Drake, Cooper T71/73.

Os monolugares de Grande Prémio deram lugar aos GT, voltando a poder ver-se lutas entre máquinas belíssimas. O Jaguar Type E de James Cottingham / Massimiliano Girardo levou a melhor sobre o AC Cobra de Martin Hunt e Patrick Blakeney-Edwards, ficando o Austin Healey 3000 de Alex Bell e Julian Thomas no degrau mais baixo do pódio.

No Iberian Historic Endurance, depois do dissabor de ontem, hoje o duo Leo Voyazides / Simon Hadfield impôs o seu Ford GT40, sendo seguido pelo carro semelhante de George Nolte e Michel Funke. O Porsche 911 3.0 RS de Carlos Sena Brizido / João Pina Cardoso completou o pódio.

O programa prosseguiu com os imponentes carros da Algarve Sports Car Pre-1975 e voltou a ser o Lola T70 Andy Wolf a triunfar, sendo acompanhado na subida ao pódio por mais dois concorrentes munidos dos imponentes protótipos criados por Eric Broadley

A sangue na guelra da Fórmula Ford Portugal entrou em pista quando o relógio marcava 16h05. Depois dos problemas de ontem, Diogo Sousa venceu, aproximando-se do título do Troféu ZETEC, batendo Vítor Sampaio e Paulo Vieira.

A segunda prova do CSS Group 1 fechou o programa competitivo do Algarve Classic Festival, tendo um desfile ao longo do circuito dos diversos clubes que marcaram presença no Autódromo Internacional do Algarve concluído o evento que se assume como a maior manifestação desportiva de automóveis clássicos do sul da Europa.

Diogo Ferrao, o responsável máximo da Race Ready: “Este evento é o final da temporada do Historic Racing internacional. Todos os anos equipas de mais de vinte países vem ao Algarve trazendo excelentes e raros carros que apaixonam todos aqueles que gosta da história do Automobilismo. As equipas aproveitam o excelente tempo e um dos circuitos mais divertidos e seguros da Europa. O público português tem a possibilidade de ver algumas das joias do Automobilismo Mundial não só em exibição, mas a competirem, a razão para que foram inicialmente criados.”

 

Scroll To Top