Quinta-feira , Junho 27 2019
ÚLTIMAS
Home / VELOCIDADE / Álvaro Parente foi albaroado e impedido alcançar pole-position
Álvaro Parente foi albaroado e impedido alcançar pole-position

Álvaro Parente foi albaroado e impedido alcançar pole-position

Álvaro Parente não teve um dia feliz em Utah, onde se disputa este fim-de-semana a nona ronda do Pirelli World Challenge, tendo um incidente promovido por um adversário o impedido de concretizar a pole-position que assinou numa subida ao pódio.

 

O português não conhecia o circuito situado nos arredores do grande lago salgado do estado de Utah, mas isso não o impediu de assinar os melhores tempos nas duas sessões de treinos-livres, evidenciando uma rápida adaptação ao traçado.

 

Na qualificação o piloto oficial da McLaren GT voltou a impor a sua supremacia e conquistou a pole-position para a corrida de sábado, batendo o recorde da pista para carros de GT3 por quase dois segundos.

 

Esperava-se que Álvaro Parente pudesse manter a senda de bons resultados que tem vindo a evidenciar, como provam as cinco vitórias e sete pódios, que lhe permitem liderar o Campeonato Americano de Pilotos de Carros de GT.

 

O arranque não correu bem ao português, que perdeu uma posição, mas o Safety-Car foi obrigado a entrar em pista devido a um pião de um concorrente, o que acabaria por despoletar o fim precoce da corrida de Álvaro Parente.

 

O piloto da McLaren GT chegou à primeira curva claramente no segundo posto, mas o terceiro classificado tentou efectuar uma manobra desesperada, embatendo no 650S do português, que acabou parado na escapatória e definitivamente danificado, ditando o abandono do líder da competição. “Estou muito desapontado, sobretudo depois de todo o trabalho que desenvolvemos. Parece que os meus adversários estão a pilotar como amadores – falham travagens e atiram-me para fora de pista. Esta é a segunda corrida consecutiva em que perco pontos sem que tenha contribuído em nada para que isso acontecesse. Não há nada que possa fazer, isto não me vai atingir e vou continuar a realizar o meu trabalho. Não consigo descrever o que sinto ao perder pontos sem ter feito nada para que isso acontecesse”, afirmou Álvaro Parente visivelmente agastado.

 

Apesar de o piloto que promoveu o incidente ter sido penalizado com uma passagem pelas boxes, a perda de pontos do português foi substancial, mantendo ainda assim o comando do campeonato, e para além disso, terá que iniciar corrida de amanhã da última posição da grelha de partida.

 

No entanto, Álvaro Parente continua motivado e determinado para realizar uma boa recuperação e somar pontos importantes para as contas do campeonato. “Amanhã vamos ter um dia difícil, mas isso só me deixa ainda mais empenhado. O McLaren 650S está eficaz e na K-PAX Racing vamos trabalhar para recuperarmos posições e conquistarmos um bom resultado”, sublinhou enfaticamente o piloto oficial da McLaren GT.

 

A corrida de hoje terá a duração de cinquenta minutos e terá o seu início às 20h30, podendo ser seguida em directo através do website:www.motortrendondemand.com/watch-live.

 

 

Scroll To Top