Domingo , Abril 21 2019
ÚLTIMAS
Home / RALI / ARC SPORT com experiências para todos os gostos
ARC SPORT com experiências para todos os gostos

ARC SPORT com experiências para todos os gostos

A ARC Sport esteve presente na Marinha Grande com três equipas, todas elas com o objetivo de realizarem quilómetros e testarem o comportamento dos respetivos carros. Joaquim Alves, acompanhado por Luís Ramalho, voltou a sentar-se aos comandos do Ford Fiesta R5 para realizar mais um importante contacto com o Fiesta em provas de asfalto.

 

Foi um rali onde não consegui entrar no ritmo. Tive algumas dificuldades em perceber a travagem do carro, um pouco parecido com a situação que se verificou em Castelo Branco. Para mim as coisas tornam-se bastante mais fáceis em pisos de terra. A nossa participação no Rali da Madeira ainda está em dúvida. Vamos pensar”, afirmou Joaquim Alves.

 

Aloísio Monteiro voltou a contar com Sancho Eiró no banco do lado, agora no novo Renault Clio R3 T com que está a disputar o troféu ibérico. A adaptação à condução do novo carro é o grande objetivo do piloto, que terminou a prova mais cedo do que pensava.

 

Entrámos bem na prova, mas tivemos alguns problemas na adaptação ao novo carro. Hoje queríamos fazer quilómetros, mas uma saída de estrada impossibilitou que conseguíssemos os nossos objetivos. Agora temos que testar o mais possível a pensar no Rali Príncipe das Astúrias, a próxima prova do Troféu Ibérico”, confidenciou Aloísio Monteiro.

 

Em estreia absoluta no Campeonato Nacional de Ralis esteve Paulo Caldeira, a fazer equipa com a sua esposa Ana Gonçalves. Uma experiência muito positiva para a jovem equipa, que chegou mesmo a discutir a liderança do Grupo N (RC2 N). Porém, quando estavam classificados no 14º lugar da geral e 2º do grupo, um furo impossibilitou uma melhor classificação.

 

Foi uma pena, pois o pneu rebentou precisamente na parte final do último troço. Apesar de tudo, mostrámos andamento e acho que esta foi uma estreia bastante positiva. Ficámos com vontade de repetir a experiência em conjunto com a ARC Sport”, disse Paulo Caldeira.

 

Para a ARC Sport este foi um rali de onde se retiraram diferentes experiências e que foi bastante importante para o trabalho que a equipa de Aguiar da Beira tem vindo a desenvolver.

 

Quero dar os parabéns a todos os pilotos que deram o seu melhor ao longo de um rali muito exigente. Lamento o que aconteceu ao Aloísio Monteiro, mas são coisas que fazem parte das corridas. Quero realçar todo o empenho evidenciado por todos os elementos da equipa, que tudo fizeram para que a prova decorresse da melhor maneira”, disse Augusto Ramiro.

 

 

 

Scroll To Top