Quinta-feira , Setembro 19 2019
ÚLTIMAS
Home / RALI / Braga acolhe super especial do Rally de Portugal
Braga acolhe super especial do Rally de Portugal

Braga acolhe super especial do Rally de Portugal

O jornal ‘O Minho Desportivo’ surge hoje com a informação que o Rali de Portugal vai regressar a Braga, 30 anos depois, com uma super-especial na cidade, num troço que substituirá a que foi realizada este ano na prova portuguesa do Mundial de Ralis, o Porto Street Stage. Caso isso mesmo seja confirmado pelo ACP, que ainda não revelou o traçado, o Mundial de Ralis regressar a Braga, onde em 1987 e 1988 se disputou uma super especial nos terrenos que hoje em dia são o Aeródromo da Palmeira e o Circuito Vasco Sameiro. Nessa altura, com os terrenos terraplanados para a construção da pista, isso foi aproveitado para a realização duma super-especial com 12.90 Km, que só teve um problema, o pó. Muito pó!

Segundo a edição de hoje do jornal ‘O Minho Desportivo’, as negociações ainda decorrem entre a autarquia bracarense e o Automóvel Clube de Portugal, mas pelos vistos há somente pormenores a resolver, pois a decisão de avançar está tomada. O troço bracarense será desenhado ao mesmo estilo do Porto Street Stage, e realiza-se na Sexta-Feira, 19 de maio.

No Rali de Portugal, as super especiais nasceram com o troço de 1987 no Autódromo do Estoril (1987 a 1989; (13.10 km/11.60/5.5 Km), que no primeiro ano eram basicamente duas voltas à pista partindo da via das boxes e fazendo somente um desvio pela entrada nas boxes, reentrando na reta junto à torre, com o percurso a mudar em 1988 e 1989, tendo sido aproveitadas estradas de terra e asfalto interiores do circuito. Nesse mesmo ano nasceu Braga (12.90 Km), como já foi referido, com um pista muito sinuosa, delimitada por fitas, e com muito pó à mistura.

Em 1989 foi a vez do Jamor, que se manteve até 1992, com um traçado de terra rápido e espetacular, que é hoje um campo de golfe (2.50 Km). Em 1991 nasceu Lousada, que teve várias versões, a primeira com 3.00 Km e dois carros ao mesmo tempo em pistas paralelas, chegando a ter três ao mesmo tempos em três traçados distintos. Em 1999 ‘nasceu’ Baltar (3.20 Km), que se realizou até 2001, e depois da interrupção, em 2007, já no Algarve, realizou-se uma super-especial no Estádio Algarve (2.03 km), no ano seguinte a prova não contou para o WRC, e no IRC a super-especial foi em Faro. Por fim, em 2011, nasceu a Super-especial de Lisboa, na Pç. Do Império, junto aos Mosteiro dos Jerónimos (3.27 km). O ano passado, a magnífica Porto Street Stage, que levou milhares de espetadores à baixa do Porto. Agora é a vez de Braga…

 

Fonte: Autosport

 

Scroll To Top