Domingo , Março 24 2019
ÚLTIMAS
Home / RALI / Campeão de râguebi ajuda Hayden Paddon a “fortalecer”
Campeão de râguebi ajuda Hayden Paddon a “fortalecer”

Campeão de râguebi ajuda Hayden Paddon a “fortalecer”

Com uma ascensão tão meteórica quanto fulgurante no mundo dos ralis, Hayden Paddon (29 anos) ambiciona colocar a Nova Zelândia no topo dos desportos motorizados. E se o seu conterrâneo Edmund Hillary, em 1953, foi o primeiro a atingir o topo do Evereste, o piloto da Huyndai quer ser o primeiro “kiwi” a sagrar-se campeão mundial. À partida deste Vodafone Rally de Portugal, Paddon surge moralizado pela recente vitória na Argentina, num rali em que somou o seu primeiro triunfo mundialista, e ocupa a segunda posição do Mundial de pilotos, com 57 pontos, atrás de Sébastien Ogier (96 pontos), campeão em título.

Desde o início desta temporada que o piloto neozelandês, apostado em melhorar a sua competitividade a todos os níveis, passou a trabalhar com o seu compatriota Gilbert Enoka, preparador mental da equipa de râguebi dos All Backs, que em 2015 conquistou o título mundial.

“O meu objetivo é, um dia, conquistar o título de campeão do mundo. Para isso, tenho de trabalhar a minha força mental e nada melhor que pedir a ajuda de alguém como Gilbert”, confessava, em Março, Paddon à imprensa do seu país.

A colaboração daquele especialista com Hayden Padon já começou a dar resultados e o piloto não escondeu que a vitória no rali argentino foi, também, reflexo da sua evolução em termos mentais. Segundo na Suécia e quinto no México, revela alguma prudência quando fala dos seus planos para este Vodafone Rally de Portugal: “Espero poder discutir um lugar no pódio, mas vamos ver o que acontece…”.

 

Scroll To Top