Terça-feira , Dezembro 18 2018
ÚLTIMAS
Home / RALLYCROSS / Campeonato de Portugal de Ralicross prossegue em Castelo Branco
Campeonato de Portugal de Ralicross prossegue em Castelo Branco

Campeonato de Portugal de Ralicross prossegue em Castelo Branco

O Complexo de desportos motorizados do Lanço Grande vai receber a sexta prova do PTRX, que reúne mais de meia centena de pilotos.

A Escuderia de Castelo Branco lançou o desafio e 51 concorrentes aceitaram-no, pelo que se prevê um fim-de-semana bem animado, para marcar o regresso do Ralicross à pista albicastrense.

Esta é a penúltima prova do PTRX e os campeonatos ou estão por decidir, ou estão completamente ao rubro, no que a pontuações diz respeito. Vamos a ver:

Nas duas provas que faltam disputar há 86 pontos para distribuir e há uma pontuação para deitar fora, em alguns casos poderá ser definido o campeão na próxima prova, mas será difícil. Vejamos:

Na Super Iniciação Rafael Rocha comanda com 26 pontos de vantagem sobre João Novo, ainda não temos Campeão e muito dificilmente o campeonato se resolverá na próxima prova.

Na Super 1600 as coisas estão semelhantes. João Ribeiro tem uma vantagem de 15 pontos sobre José Eduardo Rodrigues e este é daqueles casos que certamente só em Sever vai ficar fechado e Rodrigues só tem a ganhar em vencer.

Nos Supercar Pedro Matos, tem 42 pontos de vantagem sobre Joaquim Santos e por isso, o homem da Bompiso certamente que tudo fará para atrasar a decisão, se bem que a vantagem de Matos seja significativa. Já na Divisão 2 dos Supercar, Ademar Pereira pode fazer uma prova sem sobresaltos.

Descansado, mas não muito, poderá estar também Pedro Tiago na Super Nacional A 1.6. Venceu as cinco corridas anteriores e o pleno na próxima prova poderá deixá-lo, então sim, descansado.

Em situação semelhante vai estar também certamente António Santos, que tem uma vantagem de 39 pontos, sobre Arménio Rodrigues. Isto é tanto mais significativo, na medida em que cada prova atribui uma pontuação máxima de, justamente, 39 pontos. Para dificultar as contas, teremos a presença do sempre favorito Ludgero Santos, na prova da Escuderia.

Bem, estivemos a ver os casos difíceis, vamos ver os casos “impossíveis”:

Super Nacional 2RM: Adão Pinto e Santinho Mendes estão separados por quatro pontos. Fernando Silva está a 31 e José Sousa a 43, o que ainda serve para complicar mais as contas, pois têm possibilidades, mesmo que matemáticas.

“Pior” ainda está o Kartcross, em que Pedro Rosário tem dois pontos de vantagem sobre Jorge Gonzaga e Luís Almeida está a 29 pontos. Mário Rato tem possibilidades matemáticas, recorde-se que no caso dos Kartcross, tal como nos Super Buggy, os pontos disponíveis nas duas provas que faltam, são 78.

Promessa de um grande fim-de-semana de corridas, já em 22 e 23 de Setembro, os próximos Sabado e Domingo.

 

Scroll To Top