Terça-feira , Dezembro 11 2018
ÚLTIMAS
Home / VELOCIDADE / CANDIDO MONTEIRO PRECISA DE MAIS CONCORRÊNCIA
CANDIDO MONTEIRO PRECISA DE MAIS CONCORRÊNCIA

CANDIDO MONTEIRO PRECISA DE MAIS CONCORRÊNCIA

 

 

Depois a ausência por razões profissionais na Rampa da Falperra, eis que Cândido Monteiro e o seu inseparável Datsun 1200 regressaram ao Campeonato Nacional de Montanha, para disputar mais uma edição da Rampa da Covilhã.

 

Assim nas subidas de treinos, Cândido Monteiro, mostrou que estava ali para vencer em termos de categoria e logo nas duas subidas de treinos acabou por rubricar bons tempos, alcançando  4.00.379 , conseguindo na subida seguinte melhorar um pouco mais conseguindo fazer 3.59.343, sempre debaixo de difíceis condições atmosféricas, com o piso muito molhado, e escorregadio. A verdade é que o piloto do Datsun 1200, na primeira subida de prova, ainda conseguiria melhorar de novo chegando aos 3.53.005,. Para a segundas subida, Cândido Monteiro queria melhorar o seu tempo anterior, mas a verdade é que motivado pelo set up do carro não conseguiu fazer melhor fazendo    nas restantes subidas, fazendo 3.53.772  e 3.49.521 respectivamente.

 

Antes do inicio da cerimónia da distribuição de prémios, Cândido Monteiro fez-nos um resumo do que foi a prova, “ correu muito bem, só foi pena não ter mais adversários, para assim poder envolver-me numa luta engraçada, onde me possa divertir ao máximo. No sábado com as más condições atmosféricas tirei partido, e graças a isso consegui tempos interessantes, mas depois com o piso seco, a situação foi bem diferente”.

 

CLASSIFICAÇÃO CATEGORIA

 

1º F.Sainhas – Ford Escort

2º Pedro Gaspar – BMW 325

3º Parcidio Summavielle – Datsun 240 Z

4º CÃNDIDO MONTEIRO – DATSUN 1200

 

Scroll To Top