Quarta-feira , Dezembro 19 2018
ÚLTIMAS
Home / RALI / Carlos Fernandes imperial,  liderando o domínio Kumho
Carlos Fernandes imperial,  liderando o domínio Kumho

Carlos Fernandes imperial,  liderando o domínio Kumho

 

E vão quatro vitórias absolutas consecutivas para Carlos Fernandes e para os pneus Kumho.
Acompanhado desta feita pelo navegador Bruno Abreu, o piloto de Sintra esteve um nível acima de toda a concorrência, vencendo 7 das oito especiais contra o cronómetro e liderando o Rali Vinho do Dão de fio a pavio, voltando a provar toda a competitividade dos pneus Kumho em pisos de terra e consolidando ainda mais a liderança nas classificações Master e Terra do Desafio.
Fernando Peres foi o único que deu luta ao vencedor.
Sempre muito rápido no competitivo Mitsubishi EVO IX da Peres Competições, o piloto do Porto, navegado por José Pedro Silva, conseguiu ser o único a ganhar uma classificativa a Carlos Fernandes, na segunda passagem pelos 7,76 kms de Algeraz – Quinta da Cerca.
O 2º lugar absoluto final foi a recompensa, a que se juntou a conquista do máximo numero de pontos para o Campeonato Centro Portugal.
A 3ª posição no Desafio foi assegurada por Nuno Venâncio e André Barras.
A dupla do Mitsubishi EVO VII sofreu a bom sofrer ao longo de todo o rali, lutando para conseguir concluir a prova e garantir assim o pódio no Desafio Kumho.
Mas o Rali Vinho do Dão ficou ainda marcado pela primeira conquista plena de um pódio por parte dos Kumho.
Extra Desafio, a dupla Rui Mendes/Bruno Pedrosa chegou ao 3º lugar absoluto final na última classificativa.
Tripulando um Toyota Corolla “calçado” com pneus Kumho, ao abrigo do protocolo com o Núcleo de Pilotos do Centro, realizaram uma excelente exibição, sendo os melhores entre os duas rodas motrizes e vencendo o Grupo X2.
Em excelente plano esteve ainda Diogo Simões.
Navegado por Tiago Neves, colocou o seu Renault Clio RS no 5º lugar da geral, sendo terceiro nas duas rodas motrizes.
Dois lugares abaixo, terminou mais uma dupla Kumho.
Sempre muito consistentes com o seu Citroen C2 R2, Filipe Abrantes e Marco Vilas Boas rodaram sempre no Top10 e concluíram no 7º posto final.
Curta foi a participação de uma das duplas Kumho.
A 3ª especial de classificação foi madrasta para a suas aspirações.
Uma avaria mecânica na 3ª especial forçou à desistência da dupla David Lucas/Roberto Santos, em Peugeot 206.
O Desafio Kumho Portugal terá a sua sexta etapa já a 8 e 9 de Junho, no Rali Vidreiro.

 

Scroll To Top