Sábado , Julho 20 2019
ÚLTIMAS
Home / RALI / CITROËN VODAFONE TEAM APOSTA NA LUTA PELA VITÓRIA

CITROËN VODAFONE TEAM APOSTA NA LUTA PELA VITÓRIA

 

  • O Citroën Vodafone Team continua a sua participação no Campeonato de Portugal de Ralis (CPR) 2019, com a formação José Pedro Fontes e Inês Ponte em contagem decrescente para o Rali de Castelo Branco, que se realiza já este fim de semana.
  • Após a participação do Rali de Portugal, a equipa continuou o desenvolvimento do seu C3 R5, desta vez com o objetivo de preparar o carro para as especificidades deste rali, o primeiro evento do ano em asfalto. Assim, o C3 R5, produto original da Citroën Racing, recebeu novas afinações e um set-up especificamente apurado para o efeito.
  • Para esta edição do Rali de Castelo Branco, o Citroën Vodafone Team delineou uma estratégia que lhe permitirá lutar pela vitória à Geral, apostando todos os trunfos neste primeiro rali em asfalto.

A seguir ao Rali de Portugal, o Citroën Vodafone Team encetou uma nova fase em termos da sua participação no “Nacional” de Ralis 2019, preparando o seu regresso à competição com a participação no Rali de Castelo Branco, prova que se realiza já este fim de semana (21 e 22 de junho) numa zona com fortíssimas tradições no desporto motorizado nacional.

Em vésperas do rali albicastrense, José Pedro Fontes refere que “Este primeiro rali em asfalto da temporada é abordado com grande expetativa. Temos trabalhado a fundo na preparação do carro para as especificidades deste piso. Realizámos uma sessão de testes e o resultado foi positivo com o carro a corresponder sem reservas às exigências em asfalto. Por outro lado, sabemos que o trajeto é novo e isso coloca alguns desafios adicionais. Mas, neste aspeto, estaremos em pé de igualdade com os outros pilotos. Por outro lado, já venci em Castelo Branco por três vezes – a última em 2017 – sei que o meu estilo de condução, e o nosso rendimento como equipa, funciona bem neste tipo de condições. E, também, não é menos verdade que as características do C3 R5 são muito válidas para esta prova; temos um carro sólido e fiável, que se adapta bem ao asfalto, pelo que vamos estar à partida em boa forma e totalmente confiantes. A nossa aposta é mesmo lutar pela vitória, mesmo sabendo que o Rali de Castelo Branco é exigente e que, mais uma vez, vamos contar com um excelente lote de rivais”.

Em termos da preparação do C3 R5, o set-up específico do carro para o Rali de Castelo Branco assenta nas soluções desenvolvidas Citroën Racing apuradas pelos técnicos da Sports & You e especificamente desenhadas para o asfalto. A boa experiência do ano passado tem também um forte peso na preparação para o rali deste ano. Enquanto que em 2018 a equipa estava ainda a adaptar-se ao carro, a realidade de 2019 é diferente, existindo já um caminho feito que confere maior solidez ao trabalho de toda a equipa.

Além do envolvimento da Citroën e da Vodafone, que assume o papel de patrocinador principal, a equipa conta como parceiros as marcas Milaneza, ExpressGlass, Pirelli, Huawei e Total.

PROGRAMA DO RALI DE CASTELO BRANCO

Pontuável para o Campeonato de Portugal de Ralis (CPR) e Campeonato Centro de Ralis (CCR), e com organização a cargo da Escuderia de Castelo Branco, esta edição do Rali de Castelo Branco carateriza-se pelo fator inovação. Com efeito, a organização, com o intuito de satisfazer pilotos e público, optou por redesenhar todo o trajeto da sua prova, regressando à zona de vila Velha de Rodão e adotando um novo formato para a Super Especial.

No primeiro dia de competição (1ª Etapa, Secções 1 e 2), o Rali de Castelo Branco cumpre 4 PEC (num total de 51,33 km cronometrados), incluindo as duas mangas da Super Especial “Reconquista” (2 x 2,02 km), na noite de sexta-feira (21 de junho).

No dia seguinte (sábado, 22 de junho), o Rali de Castelo Branco entra na sua 2ª Etapa (Secções 3 e 4), uma fase decisiva que inclui a realização das 6 PEC restantes do programa.

ETAPA 1

15h00 – Partida

16h21 – PEC 1 Vilas Ruivas 1 (16,31 km)

17h19 – PEC 2 Foz do Cobrão 1 (14,67 km)

18h12 – PEC 3 Vilas Ruivas 2 (16,31 km)

19h27 – Final 1ª Secção – Reagrupamento 1

20h15 – Início 2ª Secção

21h15 – PEC 4 Super Especial “Reconquista” A (2,02 km)

21h30 – PEC 4 Super Especial “Reconquista” B (2,02 km)

22h50 – Final 1ª Etapa – 2ª Secção

 

ETAPA 2

09h00 – Partida – Início 3ª Secção

10h16 – PEC 5 Paiágua – Pé da Serra 1 (12,59 km)

10h49 – PEC 6 Dáspora – Sesmo – Salgueiral 1 (12,24 km)

11h17 – PEC 7 S. André das Tojeiras 1 (13,96 km)

11h57 – Final 3ª Secção – Reagrupamento 2

12h30 – Início 4ª Secção

14h01 – PEC 8 Paiágua – Pé da Serra 2 (12,59 km)

14h34 – PEC 9 Déspora – Sesmo – Salgueiral 2 (12,24 km)

15h02 – PEC 10 S. André das Tojeiras 2 (13,96 km)

16h12 – Final 2ª Etapa – 4ª Secção – Final do Rali

 

 

Scroll To Top